sicnot

Perfil

Atentados em Bruxelas - 1 ano

Atentados em Bruxelas - 1 ano

Atentados em Bruxelas

Homem do chapéu do aeroporto de Bruxelas fica detido mais um mês

O homem que confessou ser o homem do chapéu detetado no aeroporto de Bruxelas, no âmbito dos atentados de 22 de março, e outros cinco suspeitos vão continuar detidos, informou hoje o Ministério Público belga, em comunicado.

Fayçal Cheffou chegou a ser apontado como o terceiro suspeito do ataque ao aeroporto, que terá fugido

Fayçal Cheffou chegou a ser apontado como o terceiro suspeito do ataque ao aeroporto, que terá fugido

BELGIAN FEDERAL POLICE / HANDOUT

Continuam assim detidos por mais um mês Mohamed Abrini; Osama Krayem, de nacionalidade sueca e suspeito da explosão na estação de metro de Maelbeek; Bilal El Makhoukhi; Hervé B.M.; os dois irmãos Ibrahim e Smail Farisi, suspeitos de ajudarem o bombista suicida do metro, e Osama Krayem.

Caso recorram da decisão, os suspeitos devem comparecer num prazo de 15 dias perante um tribunal de recurso.

Os atentados de 22 de março mataram 32 pessoas e foram reivindicados pelo Daesh.

Com Lusa

  • Enfermeiros especialistas em saúde materna retomam protesto 

    País

    Os enfermeiros especialistas em saúde materna e obstetrícia voltam quinta-feira de manhã a interromper as funções especializadas, o que pode afetar blocos de parto e maternidades. Queixam-se de "falta de resposta política adequada" e "ausência de acordos sérios".

  • Cristas vaiada em bairro de Chelas
    1:44

    Autárquicas 2017

    Assunção Cristas promete mudanças na Gebalis, a empresa municipal que gere os bairros sociais em Lisboa. Esta manhã, a candidata do CDS à câmara visitou um bairro de Chelas, onde foi vaiada por alguns populares.

  • Prestação da casa aumenta pela primeira vez desde 2014
    1:17

    Economia

    Pela primeira vez em três anos, as taxas de juro do crédito à habitação, estão a subir. A subida é de apenas 1 euro, mas é a primeira desde 2014, depois de em maio deste ano ter estabilizado e em junho ter descido. A justificação para este aumento é a evolução das taxas euribor.

  • "Em vez de ajudarem, estavam a tirar fotos dela a morrer"
    1:13