sicnot

Perfil

Atentados em Bruxelas - 1 ano

Atentados em Bruxelas - 1 ano

Atentados em Bruxelas

Primo de autores dos ataques de Bruxelas quer entrar em França proveniente da Síria

A polícia francesa suspeita que o jihadista belga Oussama Atar, primo de dois dos autores dos atentados de Bruxelas de 22 de março, os irmãos Bakraoui, esteja a tentar entrar em França proveniente da Síria.

7sur7.be

O jornal Le Parisien noticiou hoje que uma mensagem nesse sentido foi comunicada à polícia francesa, com a advertência de que se trata de "um combatente estrangeiro perigoso e armado" e que pode tentar chegar a França através da Albânia.

Atar é conhecido das forças de segurança, havendo informações de que tenha estado regularmente na Síria e no Iraque desde 2002.

Oussama Atar foi detido em 2005 na cidade iraquiana de Ramadi pelas forças norte-americanas, que o acusaram de combater contra a coligação internacional. Condenado a 10 anos de prisão, cumpriu parte da pena no Iraque, na prisão de Bucca, onde esteve com o líder do grupo extremista Daesh, Abu Bakr al-Bagdadi.

O jihadista conseguiu voltar à Bélgica em 2012 e, em 2013, foi detido por tentar juntar-se a um grupo jihadista em Tunes.

As autoridades perderam-lhe o rasto desde então.

Atar, 32 anos, é primo dos irmãos Ibrahim e Khalid El Bakraoui, dois dos bombistas suicidas dos atentados que visaram o aeroporto e o metro de Bruxelas.

Lusa