sicnot

Perfil

Corrupção na FIFA

Corrupção na FIFA

Corrupção na FIFA

FBI estará a investigar Joseph Blatter

Joseph Blatter está no centro de uma investigação do FBI, no âmbito do escândalo de corrupção que abala da FIFA, noticiaram hoje órgãos de comunicação social norte-americanos, após o pedido de demissão apresentado pelo ainda presidente do organismo.

© Hannibal Hanschke / Reuters

Citando fontes das autoridades e outras ligadas ao inquérito, o New York Times e a cadeia de televisão ABC News noticiaram que Blatter está a ser investigado pela polícia federal norte-americana e pelo Departamento de Justiça norte-americano no âmbito do escândalo de corrupção conhecido na semana passada.

O New York Times escreve mesmo que as autoridades norte-americanas esperam poder contar com a cooperação de alguns dos responsáveis da FIFA formalmente acusados na semana passada.

Blatter, que hoje anunciou a sua renúncia à presidência da organização de cúpula do futebol mundial, foi reeleito a 29 de maio para um quinto mandato como presidente da FIFA, até 2018, ao vencer o jordano Ali bin al Hussein.

A reeleição de Blatter aconteceu, no entanto, num momento conturbado da vida da organização, depois de o Departamento de Justiça dos Estados Unidos ter indiciado nove dirigentes ou ex-dirigentes e cinco parceiros da FIFA, acusando-os de associação criminosa e corrupção nos últimos 24 anos, num caso em que estarão em causa subornos no valor de 151 milhões de dólares (quase 140 milhões de euros).

A investigação foi conhecida a 27 de maio, horas depois de o Ministério da Justiça e a polícia da Suíça terem detido sete dirigentes da FIFA num hotel de Zurique.


  • Costa preparado para falar da renegociação da dívida no plano europeu
    2:24

    País

    O primeiro-ministro não quer quebrar com as regras impostas pela UE e não vai dar o primeiro passo na renegociação da dívida, mas estará na linha da frente quando Bruxelas ceder. Em entrevista à RTP, António Costa garante que o Governo cumpriu tudo aquilo que acordou com o presidente demissionário da Caixa Geral de Depósitos, António Domingues.

  • Nova Deli é "altamente tóxica" para os cidadãos

    Mundo

    Nova Deli foi considerada altamente tóxica para os cidadãos. A capital da Índia é considerada há mais de três anos a cidade mais poluída do mundo, mas só este ano se concluiu que é tão tóxica que é capaz de provocar doenças crónicas a quem lá vive.