sicnot

Perfil

Corrupção na FIFA

Corrupção na FIFA

Corrupção na FIFA

Platini considera que demissão de Blatter foi a "decisão certa"

O presidente da UEFA, o francês Michel Platini, considerou hoje que a demissão do suíço Joseph Blatter da liderança da FIFA foi a "decisão certa", mas também "difícil" e "corajosa".

© Ruben Sprich / Reuters

"Foi uma decisão difícil, uma decisão corajosa e decisão certa", disse Platini, numa pequena nota publicada pela UEFA.

O suíço Joseph Blatter demitiu-se hoje da presidência da FIFA, na sequência do escândalo de corrupção que abala o organismo máximo do futebol, e anunciou a marcação de um congresso extraordinário para eleição de um sucessor.

O dirigente helvético anunciou a saída quatro dias após a sua reeleição para um quinto mandato na presidência da FIFA, que aconteceu já depois da detenção de sete dirigentes do organismo, na quarta-feira.

Antes desse escrutínio, Platini já tinha publicamente pedido a demissão de Blatter, precisamente devido as detenções que decorreram pouco antes do último congresso da FIFA e que lançaram um escândalo de corrupção no organismo máximo do futebol mundial.

Blatter, de 79 anos, ocupava o cargo desde 1998 e já disse que não se recandidata.

O Departamento de Justiça dos Estados Unidos indiciou nove dirigentes ou ex-dirigentes e cinco parceiros da FIFA, acusando-os de associação criminosa e corrupção nos últimos 24 anos, num caso em que estarão em causa subornos no valor de 151 milhões de dólares (quase 140 milhões de euros).

A acusação surge depois de o Ministério da Justiça e a polícia da Suíça terem detido sete membros da FIFA, num hotel de Zurique, a dois dias do congresso eleitoral do organismo, que reelegeu Joseph Blatter para um quinto mandato.

Lusa
  • Luís Pina indiciado por quatro crimes de tentativa de homicídio
    2:24
  • Ministro "mais descansado" com relatório sobre Almaraz, ambientalistas contestam
    2:01

    País

    O ministro do Ambiente diz estar mais descansado depois de conhecer o relatório técnico que considera o armazém de resíduos nucleares em Almaraz uma solução adequada. Já as associações ambientalistas e os partidos criticam o parecer positivo à construção e querem ouvir os ministros do Ambiente e dos Negócios Estrangeiros no Parlamento.

  • Marcelo recebido por multidão na Ovibeja
    2:52
  • Líderes europeus unidos para iniciar saída do Reino Unido
    2:08
  • 100 dias de Trump em 04'30''
    4:33

    Pequenas grandes histórias

    Donald Trump tomou posse como 45º Presidente dos EUA dia 20 de janeiro de 2017, faz este sábado, 100 dias. Prometeu grandes mudanças, mas os planos acabaram por chocar de frente com a realidade e a burocracia de Washington, como foi o caso do Obamacare. Foi a primeira ordem executiva que assinou, no dia em que tomou posse, mas a revogação está longe de acontecer.