sicnot

Perfil

Corrupção na FIFA

Corrupção na FIFA

Corrupção na FIFA

FIFA suspende processo de candidaturas para o Mundial 2026

A FIFA decidiu suspender o processo administrativo de candidaturas ao Mundial 2026 "em razão da situação atual", diz o organismo em comunicado, referindo-se às suspeitas de corrupção que pendem sobre antigos dirigentes.

(Reuters/ Arquivo)

(Reuters/ Arquivo)

© Arnd Wiegmann / Reuters

"Foi decidido suspender o processo administrativo de candidaturas ao Mundial de 2026 devido à situação atual", anunciou em comunicado a FIFA, que voltará a abordar o tema numa próxima reunião do Comité Executivo.

A 27 de maio, o Departamento de Justiça dos Estados Unidos indiciou nove dirigentes ou ex-dirigentes e cinco parceiros da FIFA, acusando-os de associação criminosa e corrupção nos últimos 24 anos, num caso em que estarão em causa subornos no valor de 151 milhões de dólares (quase 140 milhões de euros).

A acusação surgiu depois de o Ministério da Justiça e a polícia da Suíça terem detido sete membros da FIFA, num hotel de Zurique.

Dois dias depois, Joseph Blatter foi reeleito para um quinto mandato à frente do organismo, mas acabou por se demitir, na sequência do escândalo.


  • "O que é isto, mamã?"
    36:23
  • Parlamento debate uso de animais no circo: as posições do PCP, Bloco e PAN
    2:03
  • ONU analisa proposta do Egito que visa anular decisão de Trump sobre Jerusalém
    1:27

    Mundo

    O Conselho de Segurança das Nações Unidas está a analisar um projeto de resolução que pretende rejeitar a decisão de Donald Trump de reconhecer Jerusalém como capital oficial de Israel. O projeto de resolução, proposto pelo Egito, deverá ser votado amanhã mas vai, seguramente, contar com o voto contra dos Estados Unidos.