sicnot

Perfil

Corrupção na FIFA

Corrupção na FIFA

Corrupção na FIFA

Platini garante nada ter a esconder sobre verba que recebeu

O francês Michel Platini, presidente da UEFA, não tem nada a esconder sobre a verba de 1,8 milhões de euros que recebeu da FIFA, afirmou esta quarta-feira o seu porta-voz, o português Pedro Pinto.

AP/Arquivo

AP/Arquivo

Jacques Brinon / AP

"O presidente sente que deu explicações satisfatórias às autoridades que estão a investigar o caso", afirmou Pedro Pinto, à margem de uma cimeira sobre desporto, que decorre em Londres.

Platini foi ouvido na qualidade de testemunha, no âmbito de uma investigação à FIFA, no qual está implicada o atual presidente do organismo, Joseph Blatter, por, alegadamente, ter recebido do suíço um "pagamento ilegal" de dois milhões de francos suíços (cerca de 1,8 milhões de euros).

Pedro Pinto garantiu que Platini, candidato à presidência da FIFA, entende que "não fez nada de errado e que não te de se justificar publicamente".

Às autoridades suíças, Platini explicou que efetuou trabalhos para a UEFA entre 1998 e 2002 e que "a verba final de dois milhões de francos suíços foi paga em fevereiro de 2011".

Além de Michel Platini são também candidatos à presidência da FIFA o sul-coreano Chung Mong-Joon, proprietárioa da Hyundai e antigo vice-presidente do organismo, o príncipe jordano Ali bin Al Hussein e o ex-futebolista brasileiro Zico.

Lusa

  • Outros casos de fuga de prisões portuguesas
    2:58

    País

    Nos últimos cinco anos, 52 reclusos fugiram de cadeias portuguesas, mas foram todos recapturados. Entre 1999 e 2009, fugiram oito reclusos da prisão de Caxias. Em 2005, um homem condenado a 21 anos de prisão fugiu de Coimbra, viajando por França e pela Polónia. Manuel Simões acabou por ser detido no regresso a Portugal.

  • Portugal sem resposta de Moçambique sobre português desaparecido em Maputo
    1:25

    País

    Portugal tem tentado, sem sucesso, obter respostas das autoridades moçambicanas sobre o rapto de um empresário português há sete meses. De acordo com a notícia avançada este domingo pelo jornal Público, uma carta enviada há duas semanas pelo Presidente da República ao homólogo moçambicano não teve resposta. O Governo de Moçambique tem ignorado pedidos de informação das autoridades portuguesas.

  • Táxi capaz de sobrevoar filas de trânsito ainda este ano no Dubai

    Mundo

    É o sonho de muitos que passam horas intermináveis em filas de trânsito. Trata-se de um drone com capacidade para transportar pessoas. "Operações regulares" deste insólito aparelho terão início em julho, no Dubai. O anúncio foi feito pela entidade que gere os transportes da cidade. Apenas um passageiro, com o peso máximo de 100 kg, pode seguir viagem neste táxi revolucionário, capaz de sobrevoar vias congestionadas pelo trânsito.