sicnot

Perfil

Corrupção na FIFA

Corrupção na FIFA

Corrupção na FIFA

Presidente da Confederação Asiática é o sexto candidato à presidência da FIFA

O presidente da federação asiática de futebol, o xeque Salman bin Ebrahim al Khalifa, formalizou a sua candidatura à presidência da FIFA, cujas eleições estão agendadas para 26 de fevereiro, revelou hoje a agência noticiosa do Bahrein.

Sheik Salman bin Khalifa al Ebrahim

Sheik Salman bin Khalifa al Ebrahim

Reuters

O membro da família real do Bahrein, de 49 anos, apresentou a candidatura no domingo, um dia antes do final do prazo, embora nem a FIFA nem a Confederação Asiática o tenham confirmado, indicando que haverá um comunicado hoje, no final do prazo.

A candidatura de al Khalifa poderá ganhar relevo, tendo em conta que a Confederação Asiática é a segunda maior e deixaria assim de lado um apoio a Michel Platini, presidente da UEFA que é candidato, mas está suspenso pelo Comité de Ética da FIFA.

Platini, tal como o presidente demissionário da FIFA, o suíço Joseph Blatter, está suspenso por 90 dias, depois de ter vindo a público que recebeu 1,8 milhões de euros da FIFA, naquilo a que disse ter sido um "acordo de cavalheiros" com o presidente atual.

Além de al-Khalifa, concorrem igualmente à presidência da FIFA o príncipe jordano Ali bin al Hussein, o francês Jerôme Champagne, o ex-futebolista e antigo capitão da seleção de Trinidad e Tobago David Nakhid, o sul-africano Tokyo Sexwale e Michel Platini.

  • Militares tentam acabar com guerra entre traficantes na Rocinha, Rio de Janeiro
    3:07

    Mundo

    As últimas horas têm sido de tensão no Rio de Janeiro depois dos tiroteios que começaram desde que uma das principais favelas da cidade foi ocupada por militares na sexta-feira. As forças federais foram acionadas para auxiliarem a polícia, que há vários dias tenta acabar com a guerra entre fações de traficantes de droga.

  • Irão lança míssil de médio alcance
    1:13

    Mundo

    Três dias depois do discurso hostil de Donald Trump nas Nações Unidas, o Irão testou um novo míssil de médio alcance que atingiu uma altura de dois mil quilómetros. Teerão diz que o teste não viola o acordo nuclear.

  • Trump renovou as ameaças à Coreia do Norte
    1:30
  • Atrás das Câmaras em Pedrógão Grande
    3:37
    Atrás das Câmaras

    Atrás das Câmaras

    DIARIAMENTE NA SIC E SIC NOTÍCIAS

    A carrinha do "Atrás das Câmaras" continua pelo país a mostrar aquilo que alguns políticos ignoram. Este sábado a equipa da SIC esteve em Pedrógão Grande, 99 dias após o incêndio que fez 64 mortos e 200 feridos.

  • Morreu Charles Bradley, uma das lendas do soul

    Cultura

    O cantor Charles Bradley morreu este sábado aos 68 anos. O músico norte-americano foi diagnosticado com cancro no ano passado. A notícia da morte foi confirmada na página oficial do cantor no Facebook.