sicnot

Perfil

Corrupção na FIFA

Corrupção na FIFA

Corrupção na FIFA

Rummenigge declara apoio a Franz Beckenbauer

O patrão do Bayern Munique, o ex-futebolista Karl-Heinz Rummenigge, declarou hoje o seu apoio a Franz Beckenbauer, no escândalo de atribuição do Mundial2006 à Alemanha, dizendo que se apoiam os amigos.

© POOL New / Reuters

"Quando um amigo está em dificuldades, devemos ficar ao seu lado", começou por dizer Rummenigge, salientando não estar por dentro da história, mas que Beckenbauer foi seu "treinador, capitão e presidente".

Rummenigge, que falou em conferência de imprensa no centro de treinos do Bayern Munique, quis demonstrar o seu apoio a Franz Beckenbauer, acrescentando que será o que todos irão fazer no clube bávaro.

Beckenbauer, de 70 anos, está na linha da frente num escândalo que envolve a atribuição do Mundial2006 à Alemanha, na sequência de denúncia da revista Der Spiegel sobre presumíveis subornos para a Alemanha conquistar a organização, mas decisivas foram as notícias posteriores sobre evasão fiscal.

A revista revelou que o comité de candidatura alemão, em que tinha então assento o ex-presidente da Federação Wolfgang Niersbach, criou um 'saco azul' que usou para comprar votos visando ganhar a organização da prova realizada há nove anos.

Beckenbauer, que presidiu ao comité organizador do Mundial2006, negou a compra de votos, apesar de a DFB ter reconhecido que efetuou um pagamento de 6,7 milhões de euros à FIFA, mas que não estaria relacionado com o torneio.

Na votação, que decorreu no ano de 2000, a Alemanha ganhou o direito de organizar o Campeonato do Mundo por uma vantagem de um voto, tendo conquistado 12, contra os 11 da África do Sul, após a abstenção do neozelandês Charles Dempsey.

O antigo futebolista alemão Franz Beckenbauer chegou a assumir que cometera um "erro" enquanto presidente do comité organizador do Mundial de 2006, na Alemanha, mas garantiu que não comprou votos para ter o direito de sediar a prova.

Na terça-feira, o vice-presidente da Federação Alemã de Futebol (DFB) Rainer Koch disse que é tempo de o ex-futebolista Franz Beckenbauer, presidente do comité organizador do Mundial2006, falar sobre as alegadas irregularidades na atribuição do torneio.

"Entendo o interesse da DFB em clarificar a situação, mas gostaria que fossem mais sensíveis no que diz respeito à pessoa de Franz Beckenbauer, a quem devem muito, e estou só a pensar no Mundial que ganharam com ele", adiantou Rummenigge.

Lusa

  • Advogados de Sócrates queixam-se de bullying processual e mediático
    2:13

    Operação Marquês

    Os advogados de José Sócrates queixam-se de bullying processual e mediático e garantem que o antigo primeiro-ministro nunca favoreceu Ricardo Salgado ou o Grupo Espirito Santo. Segundo o Expresso, o presidente da Escom, Helder Bataglia, terá admitido que Ricardo Salgado utilizou uma conta bancária do empresário, na Suíça, para passar 12 milhões de euros a Carlos Santos Silva, alegadamente para o amigo José Sócrates.

  • Marcelo diz que é hora de valorizar o poder local
    0:40

    País

    O Presidente da República diz que este é o momento para valorizar o poder local. Sobre a descida da Taxa Social Única, Marcelo Rebelo de Sousa recusou comentar e negou que haja crispação politica entre Governo e oposição.

  • Marine Le Pen diz que Brexit terá efeito dominó na UE
    0:39

    Brexit

    Marine Le Pen diz que o Brexit vai ter um efeito dominó na União Europeia. Durante um congresso da extrema-direita, a líder da Frente Nacional francesa afirmou que a Europa vai despertar este ano em que estão marcadas eleições em vários países, como a Alemanha e a Holanda.