sicnot

Perfil

Corrupção na FIFA

Corrupção na FIFA

Corrupção na FIFA

Rummenigge declara apoio a Franz Beckenbauer

O patrão do Bayern Munique, o ex-futebolista Karl-Heinz Rummenigge, declarou hoje o seu apoio a Franz Beckenbauer, no escândalo de atribuição do Mundial2006 à Alemanha, dizendo que se apoiam os amigos.

© POOL New / Reuters

"Quando um amigo está em dificuldades, devemos ficar ao seu lado", começou por dizer Rummenigge, salientando não estar por dentro da história, mas que Beckenbauer foi seu "treinador, capitão e presidente".

Rummenigge, que falou em conferência de imprensa no centro de treinos do Bayern Munique, quis demonstrar o seu apoio a Franz Beckenbauer, acrescentando que será o que todos irão fazer no clube bávaro.

Beckenbauer, de 70 anos, está na linha da frente num escândalo que envolve a atribuição do Mundial2006 à Alemanha, na sequência de denúncia da revista Der Spiegel sobre presumíveis subornos para a Alemanha conquistar a organização, mas decisivas foram as notícias posteriores sobre evasão fiscal.

A revista revelou que o comité de candidatura alemão, em que tinha então assento o ex-presidente da Federação Wolfgang Niersbach, criou um 'saco azul' que usou para comprar votos visando ganhar a organização da prova realizada há nove anos.

Beckenbauer, que presidiu ao comité organizador do Mundial2006, negou a compra de votos, apesar de a DFB ter reconhecido que efetuou um pagamento de 6,7 milhões de euros à FIFA, mas que não estaria relacionado com o torneio.

Na votação, que decorreu no ano de 2000, a Alemanha ganhou o direito de organizar o Campeonato do Mundo por uma vantagem de um voto, tendo conquistado 12, contra os 11 da África do Sul, após a abstenção do neozelandês Charles Dempsey.

O antigo futebolista alemão Franz Beckenbauer chegou a assumir que cometera um "erro" enquanto presidente do comité organizador do Mundial de 2006, na Alemanha, mas garantiu que não comprou votos para ter o direito de sediar a prova.

Na terça-feira, o vice-presidente da Federação Alemã de Futebol (DFB) Rainer Koch disse que é tempo de o ex-futebolista Franz Beckenbauer, presidente do comité organizador do Mundial2006, falar sobre as alegadas irregularidades na atribuição do torneio.

"Entendo o interesse da DFB em clarificar a situação, mas gostaria que fossem mais sensíveis no que diz respeito à pessoa de Franz Beckenbauer, a quem devem muito, e estou só a pensar no Mundial que ganharam com ele", adiantou Rummenigge.

Lusa

  • Encontrado corpo da criança que desapareceu na praia de São Torpes
    0:55

    País

    O corpo da criança que tinha desaparecido na praia São Torpes, concelho de Sines, foi encontrado esta manhã fora de água, nas rochas, a 1,5 quilómetros do sítio onde tinha desaparecido, no passado dia 21. O alerta foi dado por um popular à Polícia Marítima, cerca das 8h00.

  • Não há aumentos salariais no Estado para o ano
    1:18

    Economia

    O ministro das Finanças confirma a alteração dos escalões de IRS em 2018. É uma das medidas prioritárias para o próximo ano, a par do descongelamento das carreiras na função pública. Numa entrevista à Antena 1, Mário Centeno admite que não vai haver aumentos salariais no Estado no próximo ano

  • Obrigada a vir dos EUA, de 3 em 3 semanas, para ver o filho
    2:00
  • Marcelo diz que Europa não deve contar com benevolência dos aliados 
    1:19

    País

    O Presidente da República concorda com Angela Merkel, que este domingo defendeu que a Europa já não pode confiar a 100% nos países aliados. Numa conferência sobre o futuro da Europa, Marcelo Rebelo de Sousa defendeu que a União Europeia tem de assumir responsabilidades e protagonismo e não pode contar com a iniciativa e a benevolência dos aliados.

  • Merkel sugere que a Europa já não pode contar com aliados como os EUA
    1:45

    Mundo

    Depois das cimeiras do G7 e da NATO,e sem nunca mencionar Donald Trump, a chanceler alemã diz que é tempo de cada país tomar conta do próprio destino. As declarações de Angela Merkel foram feitas em Munique numa ação de campanha da CDU e evidenciam incómodo em relação às posições manifestadas pelos EUA.

  • Bombeiro alvejado durante assalto em Buenos Aires
    1:07

    Mundo

    A polícia argentina está a investigar o assalto e a agressão a tiro a um bombeiro em Buenos Aires. O homem de 30 anos foi atacado por três jovens, o momento foi captado pelas câmaras de videovigilância. As imagens mostram o exato momento em que o bombeiro foi atacado pelo grupo, perto de um quiosque de alimentação automático. De acordo com as informações disponíveis, a vítima terá sido alvejada seis vezes.