sicnot

Perfil

Corrupção na FIFA

Corrupção na FIFA

Corrupção na FIFA

Tokyo Sexwale admite aliança para impedir vitória de Infantino na FIFA

O sul-africano Tokyo Sexwale, candidato à presidência da FIFA, afirmou esta sexta-feira que está disposto a formar uma aliança para impedir que o franco-suíço Gianni Infantino seja nomeado o próximo líder do organismo que rege o futebol mundial.

(Arquivo)

(Arquivo)

© Reuters Staff / Reuters

Em declarações à imprensa sul-africana, o dirigente de 62 anos nunca mencionou o nome do atual secretário-geral da UEFA, mas defendeu que o sucessor de Joseph Blatter deverá ser africano ou asiático e "nunca europeu".

"Estou focado em garantir que o próximo presidente da FIFA surja de África ou da Ásia. Da Europa, não. Se calhar, é tempo para fazer alianças. É democrático, saudável e bom. Estamos a falar. Somos todos irmãos, somos todos colegas", referiu Sexwale.

Sexwale é um antigo ativista anti-apartheid e esteve preso junto a Nelson Mandela em Robben Island. O sul-africano não exerce qualquer cargo no futebol do seu país, tendo apenas feito parte do comité organizador do Mundial2010.

O seu trabalho no Campeonato do Mundo organizado na África do Sul valeu-lhe a nomeação para o comité antirracismo da FIFA.

O sul-africano é o quinto candidato oficial à sucessão de Joseph Blatter, juntando-se ao príncipe Ali Bin Al Hussein, ao xeque Salman bin Khalifa al Ebrahim, a Gianni Infantino e Jerome Champagne.

Nunca nenhum africano presidiu à FIFA nos seus 111 anos de história.

A votação para a sucessão do suíço Joseph Blatter, afastado na sequencia dos escândalos financeiros e dos casos de corrupção que abalaram a estrutura da FIFA no último ano, decorrerá a 26 de fevereiro, em Zurique, na Suíça.

Lusa

  • Sismo registado esta manhã na região de Lisboa

    País

    Um sismo foi sentido esta manhã na região da Grande Lisboa. O abalo foi registado às 7h44, com epicentro em Sobral de Monte Agraço e magnitude de 4.3, informa o Instituto Português do Mar e da Atmosfera.

    Em atualização

  • GNR resgata 45 sírios no mar Egeu
    2:28

    Crise Migratória na Europa

    A Guarda Nacional Republicana já resgatou quase 300 migrantes no mar Egeu, ao largo da Grécia, desde o início de maio. Esta quarta-feira de madrugada, os militares salvaram 45 sírios que tentavam chegar à Grécia numa embarcação de borracha.

  • Marine devolve bandeira do Japão 73 anos depois 
    2:13

    Mundo

    Setenta e três anos depois da batalha mais sangrenta do Pacífico, um veterano dos Estados Unidos cumpriu uma promessa pessoal. Marvin Strombo devolveu à família a bandeira da sorte de um soldado japonês, morto em 1944, em Saipan, na II Guerra Mundial. 

  • Autoridades usam elefantes para resgatar pessoas das cheias na Ásia
    1:31

    Mundo

    Mais de 215 pessoas morreram nas inundações que estão a devastar o centro da Ásia, e estima-se que três milhões tiveram de abandonar as casas. As autoridades estão a usar elefantes para resgatar locais e turistas das zonas mais afetadas e avisam que há dezenas de pessoas desaparecidas.