sicnot

Perfil

Football Leaks

Football Leaks diz que acusação da Doyen é tentativa desesperada de censura

Os autores do site Football Leaks consideraram hoje que a acusação de extorsão de dinheiro pela Doyen é uma tentativa desesperada de censura da agência desportiva.

"Cada vez mais fica claro que a Doyen usa a mentira e a intimidação como armas primordiais. Não bastavam as constantes mentiras e insinuações sobre o Football Leaks, agora a Doyen vira também baterias para os jornalistas em mais uma nova tentativa desesperada de silenciar e censurar informação que é bastante relevante para o panorama futebolístico mundial, como vimos recentemente na Holanda", lê-se no site Football Leaks.

Na quinta-feira, a Doyen recordou ter entregado às autoridades policiais "elementos indiciadores de que os autores desse website tentaram extorquir dinheiro a troco de silêncio".

"Mais uma vez temos de nos repetir, o Football Leaks nunca contactou a Doyen, nem nenhuma outra entidade. Se as autoridades portuguesas fizerem uma investigação isenta e honesta isso será fácil de provar", sublinham os autores do site, acusando a Doyen de utilizar a influência do inspetor-chefe da Polícia Judiciária Rogério Bravo na Procuradoria-Geral da República.

A página Football Leaks tem publicado desde setembro vários documentos referentes a negócios envolvendo a Doyen Sports e tanto a empresa como o Sporting solicitaram às autoridades policiais a investigação sobre o caso.

Lusa

  • O último adeus às vítimas da tragédia de Vila Nova da Rainha
    1:37

    País

    As cerimónias fúnebres das oito vítimas mortais do incêndio na Associação de Vila Nova da Rainha realizaram-se esta terça-feira. Três delas ocorreram em simultâneo na povoação do concelho de Tondela que, no passado sábado, viu a tragédia bater-lhe à porta.

  • Fóssil humano mais antigo encontrado em Portugal entregue ao Museu de Arqueologia
    3:42

    País

    O mais antigo fóssil humano até hoje encontrado em Portugal, o "Crânio da Aroeira", foi entregue no Museu Nacional de Arqueologia, em Lisboa. Em 2014, o fóssil foi encontrado pela equipa do arqueólogo João Zilhão perto de Torres Novas e foi restaurado e estudado na Universidade Complutense de Madrid, durante dois anos e meio.

  • De "lambe rabos" a "labrego", a polémica entre Rodolfo Reis e Bruno de Carvalho
    1:30
  • O Futuro Hoje na maior feira eletrónica de consumo do mundo
    5:14
  • Ambientalistas consideram insuficiente estratégia de Bruxelas para reduzir plástico
    2:07