sicnot

Perfil

Queda do BES

Queda do BES

Queda do BES

"Chamar ao BES o banco mau é como darem-me uma facada"

O ex-presidente do Banco Espírito Santo (BES), Ricardo Salgado, disse hoje no parlamento que lhe custa a aceitar o facto de o Banco de Portugal ter denominado de BES de 'bad bank' após a intervenção do supervisor na entidade.

(Lusa/ Arquivo)

"Chamar ao BES o banco mau é como darem-me uma facada", afirmou o responsável durante a sua audição na comissão parlamentar de inquérito ao caso BES/GES.

Salgado lançou este desabafo enquanto expunha a sua versão da matéria relacionada com o BES Angola (BESA), em resposta às questões que lhe iam sendo colocadas pelo deputado do PCP Miguel Tiago.

"O capital do BES chegou a junho em 3,8 mil milhões de euros. As ações do BES foram para o banco mau, e o crédito do BESA foi para o banco bom, mas constituíram uma provisão de 100%", sublinhou, apontando para a verba em torno dos 3,3 mil milhões de euros.

"E depois apresentam-se em Angola. Os angolanos, por mais amigos que fossem do Grupo Espírito Santo (GES), sabiam que o Novo Banco já não era do grupo e o que pagaram foi 688 milhões de euros. E isso aparece no banco novo como resultado", assinalou.

E realçou: "A operação foi louvada, porque o banco novo teve ganho, mas perdeu o resto. Nós não considerávamos que aquilo estivesse perdido".










Lusa
  • "Fernando Pessoa dizia: pedir desculpa é pior do que não ter razão"
    2:32

    Queda do BES

    Ricardo Salgado não pede desculpa e admite apenas que errou, mas nunca com intenção de prejudicar clientes e acionistas. Desde a última ida ao Parlamento, as palavras de Salgado foram várias vezes contrariadas. Salgado levou, desta vez, o discurso bem preparado, mas depois da intervenção inicial, teve mais dificuldades em explicar-se.

  • Salgado deixa duras críticas ao governador do Banco de Portugal
    3:31

    Queda do BES

    Ricardo Salgado voltou esta quinta-feira ao Parlamento, com uma estratégia muito clara: arrasar o governador do Banco de Portugal. O ex- presidente do BES acusou Carlos Costa de o ter julgado sem provas e de ser o verdadeiro responsável pela derrocada final do banco. Salgado garantiu aos deputados que o banco não só era viável como até havia dinheiro para pagar aos clientes e investidores, e que foi a intervenção do governador que deitou tudo a perder. Salgado admite que o caso vai parar nos tribunais.

  • "Não houve qualquer desvio de fundos"
    0:36

    Queda do BES

    O antigo líder do BES Ricardo Salgado disse hoje que "não houve qualquer desvio de fundos" e o dinheiro do banco "não foi para os bolsos dos acionistas, entre os quais se encontrava a família Espírito Santo".

  • Salgado cita Pessoa para não pedir desculpa
    1:11

    Queda do BES

    O antigo líder do BES Ricardo Salgado citou hoje Fernando Pessoa na comissão parlamentar de inquérito à gestão do banco, recorrendo ao autor para dizer que vai continuar a defender a sua razão. Porque "pedir desculpa é pior do que não ter razão".

  • Marcelo já sabia da substituição do embaixador de Angola
    4:00

    País

    O Presidente da República sabia há bastante tempo da substituição do embaixador de Angola em Lisboa e já tinha aprovado o nome do futuro representante de Luanda. A revelação foi feita, esta terça-feira, por Marcelo Rebelo de Sousa, numa conversa exclusiva com a SIC no Palácio de Belém. O Presidente contou ainda que não vai enviar recados ao Governo nem aos partidos no discurso de 25 abril que vai fazer na Assembleia da República.

    Exclusivo SIC

  • "O ministro não escondeu nem tapou"
    1:20

    Economia

    Pedro Santana Lopes falou pela primeira vez sobre a auditoria feita à Santa Casa no período em que foi provedor. Esta terça-feira, na SIC Notícias, Santana Lopes desvalorizou as irregularidades e defendeu o ministro do Trabalho, da Solidariedade e da Segurança Social, Vieira da Silva.

    Pedro Santana Lopes

  • Constitucional chumba algumas normas da lei de barrigas de aluguer

    País

    O Tribunal Constitucional chumbou algumas normas do acórdão sobre as barrigas de aluguer. De acordo com o Expresso, a decisão já foi comunicada à Assembleia da República. A obrigatoriedade da regulamentação da lei ser feita pelo Parlamento e não pelo Governo terá sido unânime.

  • A história do bebé que continua a lutar pela vida depois de terem desligado as máquinas

    Mundo

    Alfie Evans sofre de uma doença cerebral degenerativa. A sua condição levou o caso à justiça e, depois de uma batalha judicial entre os pais e o hospital, os juízes determinaram que as máquinas do suporte artificial de vida fossem desligadas. Apesar de os aparelhos terem sido desligados na segunda-feira à noite, segundo os pais, a criança de 23 meses continua a lutar pela vida, respirando sozinha.

    SIC

  • O 10 de julho de 1941 na escrita de João Pinto Coelho
    15:09
  • Chegaram os brinquedos de cartão para a consola
    6:24
  • Marinha resgata 138 migrantes ao largo de Lampedusa

    País

    A fragata da Marinha portuguesa D. Francisco de Almeida resgatou esta terça-feira, ao largo da ilha de Lampedusa, em Itália, 138 migrantes, entre eles 15 mulheres e oito bebés, disse à Lusa fonte do Estado-Maior-General das Forças Armadas.

  • O recado de Donald Trump à Coreia do Norte 

    Mundo

    O Presidente norte-americano, Donald Trump, exortou Pyongyang a eliminar todo o seu arsenal nuclear, precisando o que queria dizer exatamente ao apelar para a "desnuclearização" do regime totalitário, antes de uma aguardada cimeira com o líder norte-coreano.

  • O vestido de noiva de Megan Markle
    1:17