sicnot

Perfil

Queda do BES

Ricardo Salgado ouvido na CMVM pela Entidade Reguladora dos Mercados Financeiros da Suíça

Ricardo Salgado ouvido na CMVM pela Entidade Reguladora dos Mercados Financeiros da Suíça

Ricardo Salgado foi ouvido durante dia e meio na sede da CMVM. O antigo dono do Banco Espírito Santo esteve com elementos da entidade reguladora dos mercados financeiros da Suíça.

  • Ricardo Salgado volta a ser ouvido por causa da falência do Banque Privée
    1:48

    Queda do BES

    Ricardo Salgado foi novamente ouvido pela FINMA, autoridade que regula o mercado de capitais na Suíça, nas instalações da Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), em Lisboa. O antigo presidente do BES responde por causa da falência do Banque Privée, o braço suíço do império Espírito Santo. A SIC apurou que Salgado é o único ouvido nesta ronda.

  • Regulador suíço ouviu Ricardo Salgado sobre Banque Privée

    Economia

    Ricardo Salgado foi ouvido hoje durante mais de oito horas pelas autoridades suíças, no âmbito da investigação ao Banque Privée.A audição realizou-se nas instalações da CMVM em Lisboa. O ex-banqueiro saiu pela garagem por volta das seis e meia da tarde, depois do advogado, Francisco Proença de Carvalho. Numa nota enviada às redações, o advogado apenas explica que Salgado colaborou voluntariamente com a entidade reguladora da Suíça no apuramento dos factos relacionados com o Banque Privée Suisse e foi ouvido na qualidade de ex-administrador.

  • Younes Abouyaaqoub, o homem mais procurado de Espanha
    1:53
  • Incendiários vão passar o verão com pulseira eletrónica

    País

    Os tribunais vão poder condenar os incendiários a penas de prisão domiciliária, com pulseira eletrónica, durante as épocas de incêndio. A nova lei foi aprovada na semana passada, na Assembleia da República, e aguarda a promulgação do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa.

  • Costa desafia PSD para pacto depois das autárquicas
    1:14
  • "Trump, deixe-me ajudá-lo a escrever o discurso"
    0:47

    Mundo

    Arnold Schwarzenegger diz que Donald Trump tem o dever moral de se opor ao ódio e ao racismo. Num vídeo publicado nas redes sociais, o ator norte-americano e antigo governador da Califórnia encenou o discurso que Donald Trump devia ter. 

  • Hino da SIC tocado pela viola beiroa
    2:22