sicnot

Perfil

Queda do BES

Queda do BES

Queda do BES

Lesados do BES enchem paredes de cartazes na sede do Novo Banco

galeria de fotos

Os lesados do Banco Espírito Santo (BES) que hoje se manifestam em Lisboa, chegaram à sede do Novo Banco, na Avenida da Liberdade, alguns de ânimos exaltados e colando cartazes de protesto nas paredes de vidro. 

Lusa (arquivo)

TIAGO PETINGA/ LUSA

JOS\303\211 COELHO

JOS\303\211 COELHO

TIAGO PETINGA

TIAGO PETINGA

TIAGO PETINGA

As dezenas de lesados do BES que investiram em papel comercial do Grupo Espírito Santo (GES), concentraram-se inicialmente no Rossio, mas conseguiram parar um dos sentidos da avenida da Liberdade, concentrando-se agora junto à sede do banco, na Avenida da Liberdade/Rua Barata Salgueiro.

 

Exaltados, alguns dos manifestantes começaram a bater nas paredes do Novo Banco, tendo sido desde logo impedidos de continuar pelo cordão policial que está junto aos vidros da instituição financeira.

 

"Justiça" e "queremos o nosso dinheiro" são as palavras mais ouvidas.

 

 A manifestação foi organizada pela Associação dos Indignados e Enganados do Papel Comercial (AIEPC), que está a promover hoje três manifestações em simultâneo no país: Porto (Av. dos Aliados), Caldas da Rainha (Praça 25 de Abril em frente à Câmara Municipal) e Lisboa (Zona sul do Rossio).

 

Os depositantes queixam-se de ter perdido as suas poupanças, depois de serem levados a investir o dinheiro em aplicações do Grupo Espírito Santo (GES), aos balcões do BES, que o banco, segundo os mesmos, garantia não serem de risco.


Lusa

  • Passos explica porque se sentiu irritado com Costa
    0:42

    Economia

    Depois das imagens em que surgiu visivelmente irritado com António Costa, no último debate quinzenal, Passos Coelho veio agora explicar porquê. Na discussão com o primeiro-ministro, o líder do PSD não gostou que Costa tivesse insinuado que a fuga de 10 mil milhões de euros para offshores tenha ocorrido por inação do Governo anterior.

  • Ferro Rodrigues desvaloriza críticas do CDS
    3:24

    Caso CGD

    Marcelo Rebelo de Sousa fez questão de receber em público Ferro Rodrigues antes de um almoço com o Presidente da Assembleia da República. O Presidente também recebeu a representante do CDS-PP, Assunção Cristas, que foi apresentar queixa de Ferro Rodrigues e da maioria de esqueda em relação à comissão de inquérito da Caixa Geral de Depósitos. Ferro Rodrigues desvalorizou as críticas de que foi alvo.

  • Regime de Pyongyang nega envolvimento na morte de Kim Jong-nam 
    1:53

    Mundo

    A polícia da Malásia diz que o irmão do líder da Coreia do Norte foi morto com uma arma química. Os investigadores encontraram vestígios de gás VX no corpo de Kim Jong-nam, um gás letal proibido pelas convenções internacionais. O Governo da Coreia do Sul pediu esta sexta-feira ao regime de Pyongyang que admita que está por detrás da morte de Kim Jong-nam mas o mesmo já veio negar o envolvimento no assassinato.