sicnot

Perfil

Queda do BES

Queda do BES

Queda do BES

Passos garante, em conversa informal com grupo de lesados do BES, que Governo não pode intervir

Passos Coelho falou este sábado com um grupo de lesados do papel comercial do Grupo Espírito Santo, em Barcelos, e terá mesmo defendido que é preciso avançar com uma auditoria externa para apurar quem foi burlado.

Pedro Passos Coelho mostrou-se preocupado e sensibilizado, mas, ainda assim, voltou a remeter as responsabilidades para o Banco de Portugal e para a CMVM. (Arquivo)

Pedro Passos Coelho mostrou-se preocupado e sensibilizado, mas, ainda assim, voltou a remeter as responsabilidades para o Banco de Portugal e para a CMVM. (Arquivo)

ESTELA SILVA / Lusa

A notícia é do Jornal de Notícias, que cita um dos antigos clientes do BES presentes, mas a SIC sabe que se tratou de uma conversa informal, à saída de um encontro com militantes, e que o primeiro-ministro voltou a garantir que o Governo não pode intervir.

Pedro Passos Coelho mostrou-se preocupado e sensibilizado, mas, ainda assim, voltou a remeter as responsabilidades para o Banco de Portugal e para a CMVM.
  • Suécia conquista primeira vitória no Mundial frente à República da Coreia (1-0)

    Mundial 2018 / Suécia

    Depois de uma ausência de 12 anos nos campeonatos do mundo, a Suécia volta e começa a ganhar. Um penálti de Andreas Granqvist aos 65 minutos garantiu a vitória frente à República da Coreia na fase de grupos do Mundial. As equipas jogam pelo grupo F, onde também estão a Alemanha e o México. Veja aqui o golo e os lances da partida.

  • Combate ao terrorismo e corrupção são prioridades do novo diretor da PJ
    2:42

    País

    O novo diretor da Polícia Judiciária diz que o combate ao terrorismo e à corrupção estão entre as maiores prioridades para a PJ. Mas alerta que são precisos meios para cumprir essa missão. Luís Neves tomou posse esta manhã, depois de 20 anos ligados à investigação do crime mais violento.

  • Três mortos e mais de 200 feridos do sismo no Japão
    1:07

    Mundo

    Pelo menos três pessoas morreram e mais de 200 ficaram feridas na sequência de um sismo de magnitude 6,1 na escala de Richter que atingiu hoje a região oeste do Japão, segundo um novo balanço das autoridades nipónicas. Uma das vítimas mortais era uma criança de 9 anos.