sicnot

Perfil

Queda do BES

Queda do BES

Queda do BES

Mais de metade dos emigrantes lesados aceitou proposta do Novo Banco

O Novo Banco confirmou hoje que mais de 50% dos emigrantes que subscreveram produtos do Banco Espírito Santo (BES) aceitaram a proposta para o reembolso faseado do capital investido.

© Hugo Correia / Reuters

A imprensa de hoje adianta que o Novo Banco garantiu a adesão de mais de 3.500 clientes emigrantes à solução proposta, que prevê o reembolso do capital investido num período de seis anos. Contactado hoje pela Agência Lusa, o Novo Banco confirmou que mais de 3.500 dos 7.000 clientes não residentes aceitaram a proposta que desbloqueia as suas poupanças.

De acordo com o Jornal de Negócios, este nível de adesão deverá garantir a aprovação da oferta comercial que prevê a recuperação da totalidade do capital investido nos veículos Poupança Plus, Top Renda e Euro Aforro ao fim de seis anos.

Uma fonte oficial do Novo Banco disse à Lusa, no início do mês, que os 7.000 casos correspondem aplicações num valor global de 720 milhões de euros.

O Novo Banco começou a apresentar aos emigrantes em julho uma solução comercial, para reaver o dinheiro, investindo nos produtos Poupança Plus, Top Renda e EuroAforro e aguarda agora a aprovação da maioria dos sete mil clientes para avançar.

Segundo a mesma fonte, a solução comercial teve de ser autorizada pelo Banco de Portugal e prevê a assinatura prévia dos clientes para que o Novo Banco e o Credit Suisse possam anular os veículos financeiros. Só depois será possível avançar com a proposta comercial que garante pelo menos 60% do capital investido, e liquidez se essa for a opção, assim como um depósito anual crescente a seis anos, que possibilita recuperar no mínimo 90% do capital investido.

A agência Lusa tentou, sem sucesso, obter um comentário do Movimento dos Emigrantes Lesados (MEL), que vai manifestar-se na quinta-feira junto ao Ministério das Finanças, em Lisboa.

Lusa

  • Lesados do BES atiram ovos contra a sede do Novo Banco no Porto
    1:18

    Queda do BES

    Desta vez os manifestantes lançaram ovos à sede do Novo Banco. Foi esta manhã, na Avenida dos Aliados, no Porto. Os lesados do papel comercial e os emigrantes lesados voltaram a manifestar-se. Os antigos clientes garantem que não vão desistir do reembolso das poupanças investidas e prometem não parar até obterem respostas do Banco de Portugal.

  • Aviação russa matou mais de 11 mil pessoas na Síria

    Mundo

    Pelo menos 11.612 pessoas morreram na Síria em resultado dos bombardeamentos da aviação russa, aliada do Governo de Damasco, iniciados em 30 de setembro de 2015, de acordo com dados publicados hoje pelo Observatório Sírio dos Direitos Humanos.

  • Mais de 500 casos de sarampo na Europa este ano, avisa OMS

    Mundo

    Mais de 500 casos de sarampo foram reportados só este ano na Europa, afetando pelo menos sete países, segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS). Em Portugal, a OMS reconheceu oficialmente a eliminação do vírus do sarampo no verão do ano passado.