sicnot

Perfil

Queda do BES

Ricardo Salgado terá ordenado que as contas do Grupo Espírito Santo fossem mascaradas

Ricardo Salgado terá ordenado que as contas do Grupo Espírito Santo fossem mascaradas

Ricardo Salgado terá ordenado que as contas do Grupo Espírito Santo fossem mascaradas. O antigo líder do BES foi condenado pelo Banco de Portugal ao pagamento de uma multa de 4 milhões de euros e fica ainda inibido de qualquer atividade no setor finaceiro durante 10 anos. O Banco de Portugal condenou também outros oitos antigos gestores do banco.

  • Manuel Pinho exigiu reforma antecipada para aceitar cargo no Governo de Sócrates
    1:53

    País

    Manuel Pinho, antigo ministro da Economia do governo de José Sócrates, exigiu ao BES uma reforma antecipada como condição para aceitar o cargo no governo. Ricardo Salgado terá avisado o ex-ministro que deveria reforçar o pedido, pouco antes da queda do banco. Entretanto, Pinho processou o Novo Banco por nunca lhe ter sido atribuída uma pensão e exige mais de 7 milhões de euros.

  • Ricardo Salgado condenado por gestão ruinosa e falsas informações
    1:57

    Queda do BES

    Ricardo Salgado foi condenado pelo Banco de Portugal a pagar 4 milhões de euros e fica ainda inibido de voltar ao setor financeiro durante 10 anos. O Expresso de amanhã revela todos os pormenores do processo de contraordenação, que descobriu os culpados pela ocultação da dívida do Grupo Espírito Santo. Salgado, líder do império Espírito Santo, é responsável por cinco ilegalidades: práticas de atos de gestão ruinosa com dolo, prestação de informações falsas, violação das regras sobre conflitos de interesses, por não ter avançado com um sistema de gestão de risco sólido e eficaz com dolo e, ainda por não ter implementado um sistema de informação com dolo.

  • Salgado terá escondido parte da dívida do Grupo Espírito Santo
    2:52

    Queda do BES

    Ricardo Salgado foi condenado pelo Banco de Portugal a pagar 4 milhões de euros e não vai poder voltar ao setor financeiro durante 10 anos. O Expresso deste sábado revela as conclusões do processo de contra-ordenação, que descobriu os culpados pela ocultação da dívida do grupo. Salgado, líder do império Espírito Santo, é responsável por cinco ilegalidades: entre elas, gestão ruinosa e falsas informações. Salgado terá dado ordens, desde 2008, para esconder parte da dívida do Grupo Espírito Santo. O Banco de Portugal concluiu que foi Ricardo Salgado quem mandou vender dívida da ESI nos balcões do BES.

  • Árbitros em greve este fim de semana

    Desporto

    Vários árbitros de primeira categoria estão a pedir dispensa aos jogos do próximo fim de semana. Os juízes protestam contra o que chamam de clima de intimidação e exigem mais respeito para a classe. Desconhece-se para já quantos árbitros entregaram o pedido de dispensa.

  • Administrador recebia 420 mil € por ano quando aldeamento passava dificuldades
    4:39
  • Estudante português desaparecido no mar Báltico

    País

    Um jovem português de 21 anos desapareceu na segunda-feira, dia 13 de novembro, enquanto fazia uma viagem de cruzeiro entre a cidade finlandesa de Helsínquia e a capital da Suécia, Estocolmo. As autoridades locais fizeram buscas na madrugada em que Diogo Penalva caiu ao mar Báltico, por volta das duas da manhã.

  • "Estamos vivos"
    11:41
  • Notas e moedas têm os dias contados?
    6:27
  • Paris inaugura primeiro restaurante naturista

    Mundo

    Para entrar, é preciso retirar a roupa e apenas as mulheres podem permanecer calçadas. O primeiro restaurante naturista de Paris abriu em novembro para responder a uma necessidade em França, principal destino do mundo para os praticantes de nudismo.

  • Peru faz aparição especial na Casa Branca
    1:10

    Mundo

    Os norte-americanos estão a preparar-se para o tradicional Dia de Ação de Graças, assinalado na próxima quinta-feira. O tradicional peru fez esta terça-feira uma aparição especial na sala de conferências de imprensa, na Casa Branca, em Washington. O peru é o prato tradicional no Dia de Ação de Graças, uma data de louvor a Deus, que remonta ao século XVII e que é celebrada na quarta quinta-feira de novembro, sobretudo nos Estados Unidos da América e no Canadá.

  • Sara Sampaio brilha em Xangai
    1:50