sicnot

Perfil

Crise na Grécia

Crise na Grécia

Crise na Grécia

Bruxelas diz que não é esperado hoje acordo da reunião com Tsipras

A Comissão Europeia disse hoje que não é esperado esta noite um desfecho para a situação da Grécia, quando decorre um encontro em Bruxelas entre Jean-Claude Juncker e o primeiro-ministro grego, Alexis Tsipras.

Reuters

Segundo o porta-voz da Comissão Europeia Margaritis Schinas, a reunião que decorrerá pela hora de jantar (20:30 locais, menos uma hora em Lisboa) acontece depois de um "convite pessoal" do presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker.

"Não esperamos qualquer resultado final esta noite. Isto é uma primeira conversa, não a última", afirmou.

O encontro acontece após meses de negociações infrutíferas entre Atenas e as instituições credoras - Comissão Europeia, Fundo Monetário Internacional (FMI) e Banco Central Europeu (BCE) -- sobre as reformas e medidas orçamentais a serem adotadas pelo país e deverá centrar-se na proposta grega de acordo. 

Segundo a imprensa local, um documento de 46 páginas prevê a reforma do IVA, a unificação gradual dos fundos de pensões, o fim das reformas antecipadas e a aceleração das privatizações. 

Apesar de a proposta dever ter alguns pontos que vão ao encontro das reivindicações dos credores, ainda haverá caminho a trilhar até ser possível um entendimento.

Para a reunião, também terá sido convidado o presidente do Eurogrupo, o holandês Jeroen Dijsselbloem, e poderão estar ainda presentes responsáveis do FMI e do BCE.

Desde fevereiro que decorrem as negociações com a Grécia no âmbito do chamado Grupo de Bruxelas - que reúne as autoridades gregas e Comissão Europeia, FMI e BCE, sendo desde então as questões mais sensíveis o sistema de pensões e o mercado laboral. 

O Governo grego tem garantido que cortar pensões e flexibilizar o mercado de trabalho são 'linhas vermelhas' que recusa ultrapassar.

No entanto, o tempo começa a esgotar-se e nos últimos dias também se intensificaram os contactos e as trocas de documentos.

A situação dos cofres públicos gregos é dramática, sobretudo quando este mês, além de outras obrigações, o país tem de fazer face ao pagamento de 1.500 milhões de euros ao FMI, a começar por 300 milhões de euros esta sexta-feira.

Perante isto, têm-se agravado os receios de um incumprimento grego, uma situação de bancarrota do Estado, e mesmo de uma saída da zona euro.

 
Lusa
  • Autarca e duas jornalistas mortas a tiro na Finlândia 

    Mundo

    A presidente da Câmara de Imatra, na Finlândia, e duas jornalistas foram mortas a tiro na noite passada, na pequena cidade do sudeste do país. O incidente aconteceu junto a um restaurante e a polícia chegou ao local pouco depois dos disparos. Um suspeito de 23 anos já foi detido.

  • Avião da Qatar Airways aterra de emergência nas Lajes
    0:47

    País

    Aterrou de emergência nos Açores, esta manhã, um avião da Qatar Airways. A turbulência obrigou à manobra que causou pelo menos 10 feridos nos passageiro do avião que fazia ligação de Washington para Doha, capital do Qatar, e foi desviado para a base aérea das Lajes. Os passageiros desembarcaram, como registou no Twitter um jornalista da Al-Jazzera que seguia a bordo. Segundo este depoimento, uma pessoa foi levada para o hospital com problemas cardíacos.

  • Óscar do turismo para empresa que gere património de Sintra
    1:51

    Cultura

    A Parques de Sintra ganhou, pelo quarto ano consecutivo, os World Travel Awards na categoria de "Melhor Empresa de Conservação do Mundo". A empresa portuguesa, que gere monumentos, parques e jardins situados na zona da Paisagem Cultural de Sintra e em Queluz, voltou a ser a única nomeada europeia na categoria, e foi a vencedora entre candidatos de todo o mundo.

  • O novo coala do zoo de Lisboa
    3:10

    País

    A SIC acompanhou em exclusivo a transferência de uma coala da Alemanha para o Zoo de Lisboa. O animal veio de avião e foi batizado pelos passageiros que seguiam a bordo. Ficou com o nome de Goolara. O coala é uma fêmea, com quase dois anos, e veio para aumentar a família da mesma espécie em Portugal.

  • Jovens do exército russo aderem ao Desafio do Manequim
    1:01

    Mundo

    Na Rússia, o grupo de jovens do exército também já aderiu ao famoso Mannequin Challenge. O vídeo foi divulgado pelo Ministério da Defesa russo. O objetivo é mostrar o dia-a-dia do chamado exército de jovens, cuja principal missão passa por sensibilizar os russos para a necessidade de cumprir o serviço militar obrigatório.