sicnot

Perfil

Crise na Grécia

Crise na Grécia

Crise na Grécia

Tsipras acredita que estará "mais próximo" um acordo nos próximos dias

O primeiro-ministro grego, Alexis Tsipras, disse hoje que acredita que nos próximos dias a Grécia ficará mais próxima de um acordo com os credores e que as negociações continuarão agora com base em "propostas realistas".

(AP/ Arquivo)

(AP/ Arquivo)

Geert Vanden Wijngaert

Tsipras reuniu-se hoje à noite em Bruxelas com o presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, tendo depois havido um jantar em que também participou o presidente do Eurogrupo, Jeroen Dijsselboem.

No final, numa curta declaração aos jornalistas, afirmou que o encontro decorreu num "clima amigável" e que serviu para "trocar pontos de vista".

"Acredito que nos próximos dias estaremos mais próximos de um acordo", declarou o governante grego, acrescentando que estará mesmo próximo um entendimento sobre o excedente orçamental primário (sem juros da dívida).

Afirmou ainda que, nesta negociação, é necessário "não fazer os mesmos erros do passado", em que foram seguidas políticas de austeridade duras, mas trabalhar num acordo com base em "pontos de vistas realistas", que são as propostas do Governo grego.

Já sobre se os cofres públicos gregos têm dinheiro para pagar 300 milhões de euros na próxima sexta-feira ao Fundo Monetário Internacional, disse apenas: "Não se preocupem com isso".


Lusa
  • Dez feridos ligeiros em naufrágio de embarcação em Cascais

    País

    Uma embarcação de recreio com 10 pessoas a bordo naufragou ao largo da Parede, na linha de Cascais. Todos os tripulantes foram resgatados pelas autoridades marítimas e bombeiros e apresentam escoriações ligeiras e sinais de hipotermia. O barco foi entretanto retirado da água e a marginal continua cortada ao trânsito.

  • PS apresenta Lei de Bases da Habitação para abrir debate sobre habitação acessível
    1:19

    Economia

    O PS quer avançar com uma Lei de Bases da Habitação. A proposta apresentada esta quinta-feira propõe a requisição de casas devolutas para habitação e apoios concretos para o arrendamento a preços acessíveis. O líder parlamentar do PS, Carlos César, diz que é tempo de abrir um debate sobre a habitação que acredita que pode resultar numa Lei ainda na atual legislatura.

  • A morte anunciada da ETA

    Mundo

    A organização separatista basca ETA vai anunciar a sua dissolução em 05 de maio, durante uma cerimónia marcada para Bayona, no País Basco francês, disseram à agência Efe fontes conhecedoras do processo.