sicnot

Perfil

Crise na Grécia

Crise na Grécia

Crise na Grécia

Destino dos gregos e do euro "jogam-se hoje em boa parte", admite comissário europeu

O comissário europeu para os Assuntos Económicos, Pierre Moscovici, admitiu hoje que "o destino da Grécia e do euro são hoje jogados em boa parte", horas antes do início de uma cimeira extraordinária dos líderes europeus. 

reuters

A crise grega tem motivado várias reuniões consideradas muito importantes, "mas desta vez é decisiva", declarou o comissário, afirmando acreditar num acordo esta noite. 

A Grécia entregou novas propostas aos credores para evitar um incumprimento dos pagamentos financeiros, revelou o chefe de gabinete do presidente da Comissão Europeia, Martin Selmayr, através da rede social Twitter.

A Grécia está a menos de duas semanas de expirar o programa de resgate e o prazo para pagar 1,6 mil milhões de euros ao FMI, o que acontece a 30 de junho.



  • Grécia admite cortar nas pensões para evitar saída do euro
    2:51

    Economia

    O governo grego admite mexer nas pensões para evitar a saída do euro. O novo plano de reformas foi preparado este fim-de-semana em dois conselhos de ministros extraordinários e com muitos telefonemas pelo meio. Tsipras esteve em contacto direto com o presidente da Comissão Europeia, Jean Claude Juncker, também com a chanceler alemã Angela Merkel, e ainda com o Presidente de França, François Hollande, para lhes apresentar as novas propostas. O Presidente francês afirmou mesmo que a Grécia já não pode perder mais tempo.

  • Caixa multibanco assaltada em Portugal a cada dois dias
    2:43

    País

    O semanário Expresso conta que a mulher que morreu vítima de um disparo de agentes da PSP foi atingida pelas costas. O caso está a ser investigado pela PJ, que procura encaixar as peças da noite que acabou com uma morte inocente mas que começou com uma perseguição a um grupo de assaltantes de um multibanco. Assaltos que são cada vez mais comuns e que preocupam o Governo. A cada dois dias, uma caixa é assaltada.

  • Metro de Lisboa vai reduzir consumo de água

    País

    O Metro de Lisboa colocou em prática um programa para reduzir o consumo de água devido à situação de seca em Portugal, respondendo assim ao apelo do Ministério do Ambiente, segundo um comunicado divulgado este sábado.