sicnot

Perfil

Crise na Grécia

Crise na Grécia

Crise na Grécia

Eurogrupo recusa prolongar programa grego além de 30 de junho

Os ministros das Finanças da zona euro rejeitaram hoje a extensão do programa de assistência financeira à Grécia além de 30 de junho, a próxima terça-feira. O Eurogrupo debate agora as consequências, sem a presença de Varoufakis.

OLIVIER HOSLET

A recusa, noticiada pela France Press, foi já confirmada pelo presidente do Eurogrupo em conferência de imprensa, após cerca de três horas de reunião em Bruxelas. Jeroen Dijsselbloem afirmou que o Eurogrupo teve que "concluir, "lamentavelmente, que o programa vai expirar na terça-feira à noite" e "isso é absolutamente claro neste momento".

O primeiro-ministro grego pediu o prolongamento do programa de ajuda por mais um mês, depois de Tsipras ter anunciado a decisão de convocar  um referendo sobre as propostas dos credores. 

Agora, os ministros das Finanças da zona euro estão de novo reunidos, mas "para discutir consequências" e "preparar passos que seja necessário dar", acrescentou Dijsselbloem, com o objetivo prioritário de "assegurar que a estabilidade da zona euro se mantém ao seu nível mais elevado". O ministro grego, Yanis Varoufakis, já não está presente.

O Eurogrupo foi surpreendido ontem à noite com o anúncio da realização de um referendo a 5 de julho, para que o povo grego decida se aceita, ou não, o acordo proposto pelos credores - Comissão Europeia, Fundo Monetário Internacional (FMI) e Banco Central Europeu (BCE). 

Desagradado, o Eurogrupo divulgou até um comunicado nesse sentido, uma nota que não foi assinada pelo ministro grego das Finanças.

O pedido da Grécia para estender o programa tinha como objetivo dar tempo de haver uma decisão do povo grego. 
  • "É um passo muito infeliz de tomar"
    1:08

    Crise na Grécia

    Em conferência de imprensa, o presidente da Eurogrupo confirmou a recusa da extensão do programa para lá de 30 de junho. Dijsselbloem foi claro, disse que a ajuda à Gécia termina na terça-feira à noite. Os gregos tinham pedido uma extensão para levar a cabo um referendo sobre o acordo com os credores, marcar para 5 de julho.

  • Gregos divididos sobre referendo
    1:39

    Crise na Grécia

    O governo grego vai convocar um referendo sobre o acordo proposto pelos credores. A consulta popular deverá acontecer no dia 5 de julho. Esta manhã, em Atenas, voltaram a formar-se filas para levantar dinheiro dos bancos.

  • Presidente do Eurogrupo diz que Grécia fechou porta a negociações
    1:20

    Crise na Grécia

    O presidente do Eurogrupo diz que está muito surpreendido com esta decisão do governo grego. À entrada para a reunião com os ministros das Finanças, que decorre esta tarde, Jeroen Dusselbloem considerou que a Grécia fechou a porta às negociações ao convocar um referendo. Por sua vez, a diretora do FMI, Christine Lagarde, garante que vai continuar a trabalhar para encontrar um consenso.

  • Bomba encontrada na Nazaré pode ter sido largada durante 2.ª Guerra Mundial
    2:26

    País

    A bomba que esta segunda-feira veio nas redes de um arrastão na Nazaré já foi detonada. O engenho explosivo foi identificado como uma bomba de avião por especialistas da Marinha, que eliminaram também o perigo equivalente a 600 quilogramas de TNT. A bomba sem qualquer inscrição tinha um desgaste evidente e, segundo a Marinha, pode ter sido largada de um avião durante a 2.ª Guerra Mundial.

  • Derrocada de muro em Lisboa obriga à retirada de 40 pessoas de 5 prédios
    2:14

    País

    Os moradores de três prédios de Lisboa não podem regressar tão cedo a casa. Durante a madrugada, a derrocada de um muro obrigou à retirada de 40 pessoas de cinco edifícios. Um dos inquilinos sofreu ferimentos ligeiros. Entretanto, a maioria dos residentes já foi realojada em casas de familiares e num hotel.

  • "Geringonça" elogiada na Europa e EUA
    4:22

    País

    Num momento em que por cá se fala de claustrofobia democrática, a Europa e os Estados Unidos desdobram-se em elogios ao sucesso da maioria de Esquerda em Portugal. A palavra "geringonça" já tem até tradução em várias línguas.

  • ONU estima que mais 750 mil civis estejam em risco na cidade de Mossul
    1:39

    Mundo

    As Nações Unidas estimam que mais 750 mil civis estejam em risco na zona ocidental de Mossul, no Iraque. Mais de 10 mil pessoas fugiram da zona ocidental da cidade nos últimos quatro dias. Enquanto a população tenta escapar ao fogo cruzado, as forças iraquianas avançam sobre a cidade ainda controlada pelo Daesh.