sicnot

Perfil

Crise na Grécia

Crise na Grécia

Crise na Grécia

Eurogrupo recusa prolongar programa grego além de 30 de junho

Os ministros das Finanças da zona euro rejeitaram hoje a extensão do programa de assistência financeira à Grécia além de 30 de junho, a próxima terça-feira. O Eurogrupo debate agora as consequências, sem a presença de Varoufakis.

OLIVIER HOSLET

A recusa, noticiada pela France Press, foi já confirmada pelo presidente do Eurogrupo em conferência de imprensa, após cerca de três horas de reunião em Bruxelas. Jeroen Dijsselbloem afirmou que o Eurogrupo teve que "concluir, "lamentavelmente, que o programa vai expirar na terça-feira à noite" e "isso é absolutamente claro neste momento".

O primeiro-ministro grego pediu o prolongamento do programa de ajuda por mais um mês, depois de Tsipras ter anunciado a decisão de convocar  um referendo sobre as propostas dos credores. 

Agora, os ministros das Finanças da zona euro estão de novo reunidos, mas "para discutir consequências" e "preparar passos que seja necessário dar", acrescentou Dijsselbloem, com o objetivo prioritário de "assegurar que a estabilidade da zona euro se mantém ao seu nível mais elevado". O ministro grego, Yanis Varoufakis, já não está presente.

O Eurogrupo foi surpreendido ontem à noite com o anúncio da realização de um referendo a 5 de julho, para que o povo grego decida se aceita, ou não, o acordo proposto pelos credores - Comissão Europeia, Fundo Monetário Internacional (FMI) e Banco Central Europeu (BCE). 

Desagradado, o Eurogrupo divulgou até um comunicado nesse sentido, uma nota que não foi assinada pelo ministro grego das Finanças.

O pedido da Grécia para estender o programa tinha como objetivo dar tempo de haver uma decisão do povo grego. 
  • "É um passo muito infeliz de tomar"
    1:08

    Crise na Grécia

    Em conferência de imprensa, o presidente da Eurogrupo confirmou a recusa da extensão do programa para lá de 30 de junho. Dijsselbloem foi claro, disse que a ajuda à Gécia termina na terça-feira à noite. Os gregos tinham pedido uma extensão para levar a cabo um referendo sobre o acordo com os credores, marcar para 5 de julho.

  • Gregos divididos sobre referendo
    1:39

    Crise na Grécia

    O governo grego vai convocar um referendo sobre o acordo proposto pelos credores. A consulta popular deverá acontecer no dia 5 de julho. Esta manhã, em Atenas, voltaram a formar-se filas para levantar dinheiro dos bancos.

  • Presidente do Eurogrupo diz que Grécia fechou porta a negociações
    1:20

    Crise na Grécia

    O presidente do Eurogrupo diz que está muito surpreendido com esta decisão do governo grego. À entrada para a reunião com os ministros das Finanças, que decorre esta tarde, Jeroen Dusselbloem considerou que a Grécia fechou a porta às negociações ao convocar um referendo. Por sua vez, a diretora do FMI, Christine Lagarde, garante que vai continuar a trabalhar para encontrar um consenso.

  • Marcar cedo e resistir (ou como Portugal venceu Marrocos)

    Mundial 2018 / Portugal

    A seleção nacional alcançou hoje a primeira vitória no Mundial 2018, frente a Marrocos, em Moscovo. Cristiano Ronaldo (outra vez) marcou logo aos quatro minutos. Depois, Portugal pouco mais fez senão aguentar as investidas dos marroquinos, que ficam desde já afastados dos oitavos de final.

  • Fernando Santos dá um puxão de orelhas à equipa
    1:57
  • E vão quatro de Ronaldo
    1:58
  • Ronaldo, o motivador
    3:23
  • Os "memes" do desempenho de Cristiano Ronaldo frente a Marrocos
    1:25
  • Cristiano Ronaldo: o melhor do jogo, o melhor do Mundial, o melhor do mundo

    Mundial 2018 / Portugal

    Apesar da prestação de Rui Patrício na defesa da baliza lusa, Cristiano Ronaldo foi eleito o homem do jogo, pela segunda vez consecutiva, depois de marcar o golo que deu a vitória a Portugal frente a Marrocos. O capitão português ofereceu à equipa os três pontos essenciais para a eventual passagem aos oitavos de final. Mas Ronaldo não fica por aqui. Contas feitas, CR7 é o melhor marcador do Mundial (4 golos em 2 jogos) e já marcou 85 golos por Portugal, feito nunca antes alcançado nem por Eusébio nem por Pauleta. No auge dos 33 anos, há quem diga que Ronaldo "é como o vinho do Porto". Será que ainda vai chegar à marca dos 100? Parece que, para o CR7, nada é impossível.

  • Parecia que Rui Patrício tinha cola nas luvas
    5:40
  • Os momentos descontraídos dos jogadores que estão no Mundial
    1:54
  • Selecionador de Marrocos queixa-se da arbitragem
    1:41
  • Georgina Rodriguez assistiu ao jogo de Portugal e acenou a Ronaldo
    1:05
  • Schulz responde a Trump: "é um especialista em estatísticas criminais"

    Mundo

    "Donald Trump é um especialista em estatísticas criminais: pagamentos a estrelas porno, contactos ilegais com russos e diretores de campanha presos". Foi assim que o deputado alemão Martin Schulz respondeu ao Presidente norte-americano, depois de este ter afirmado várias vezes que a criminalidade na Alemanha aumentou devido à imigração.

    SIC

  • "Vou pedir a alguém que dê esta notícia por mim". Jornalista emociona-se com o caso dos bebés mexicanos separados das famílias
    0:49