sicnot

Perfil

Crise na Grécia

Governo de Tsipras cedeu em pontos polémicos como o IVA e as pensões

Governo de Tsipras cedeu em pontos polémicos como o IVA e as pensões

A Grécia já enviou aos credores o novo pacote de austeridade que quer implementar. O Governo de Tsipras cedeu nas chamadas linhas vermelhas e vai mesmo avançar com cortes nas pensões e aumento de impostos. Em troca, o país pede mais de 50 mil milhões de euros para os próximos três anos.

  • Os pontos essenciais do novo plano grego

    Crise na Grécia

    O novo pacote de reformas proposto pela Grécia, que poderá desbloquear um acordo e a evitar a saída do euro, propõe várias medidas para aumentar receitas, sobretudo no IVA e pensões, ao encontro das exigências dos credores. A proposta enviada às instituições europeias e ao Fundo Monetário Internacional tem em vista conseguir um novo programa de resgate, desta vez a três anos. Será agora avaliada pelos credores, que submeterão de seguida a sua avaliação ao Eurogrupo, que por sua vez se reúne no domingo. Eis as principais reformas propostas pelo Governo liderado por Alexis Tsipras:

  • Plano grego suficiente para aprovar novo resgate?
    2:01

    Crise na Grécia

    O Governo grego cumpriu o prometido e entregou o plano de reformas para obter o terceiro resgate. Mas em Atenas permanece a dúvida se as medidas vão ou não ser suficientes para os parceiros europeus aprovarem o resgate. O relato é do enviado da SIC à Grécia, Anselmo Crespo.

  • Análise à proposta de reformas do Governo grego
    2:22

    Crise na Grécia

    As propostas que o Governo grego enviou hoje aos seus credores internacionais incluem um aumento das taxas do IVA e mudanças nas pensões de reforma e no regime da Função Pública, avançou a agência AFP citando a página oficial do executivo de Atenas. O objetivo das propostas é o de aumentar as receitas públicas, em troca de nova ajuda financeira a três anos. A análise é de José Gomes Ferreira, SIC.

  • CGTP espera milhares na 1ª manifestação nacional do ano
    1:49

    País

    A CGTP-IN conta ter "dezenas de milhares de trabalhadores" de todo o país e setores de atividade na primeira manifestação nacional do ano, marcada para esta tarde, em Lisboa, em defesa da valorização do trabalho e dos trabalhadores.Estão previstas centenas de autocarros e quatro comboios especiais, um de Braga e três do Porto, para transportar os manifestantes para a capital.De Coimbra saíram 13 autocarros, com cerca de 700 trabalhadores, de setores diferentes para exigir ao governo reposição de direitos perdidos.

  • A semana em revista

    Mundo

    Com a semana a chegar ao fim, a SIC Notícias apresenta-lhe, num único artigo, os destaques que marcaram a atualidade nos últimos dias. Um espaço onde pode ficar a saber, ou simplesmente recordar, os temas que marcaram a semana noticiosa.

    André de Jesus

  • Registadas mais de 500 queimadas em 12 horas

    País

    A Proteção Civil registou esta sexta-feira, no distrito de Viana do Castelo, entre as 06:00 e as 18:00, 515 queimadas, mais cerca de uma centena das contabilizadas na quinta-feira, sendo que três terão dado origem a incêndios florestais.