sicnot

Perfil

Crise na Grécia

Crise na Grécia

Crise na Grécia

Vice-ministra das Finanças demite-se e anuncia voto contra acordo

A vice-ministra grega das Finanças, Nadia Valavani, apresentou hoje a demissão, através de uma carta enviada ao primeiro-ministro, na qual afirma que o acordo assinado na segunda-feira de manhã com os credores "não é viável".

© Yannis Behrakis / Reuters

"Não vou votar a favor do projeto de lei [que adota o acordo com os credores] e penso que não posso ficar no Governo votando contra", disse Valavani, deputada do partido Syriza, em declarações citadas por agência sinternacionais.

Na carta que enviou ao primeiro-ministro grego, Alexis Tsipras, a agora ex-governante explica que considera que o acordo foi, na verdade, "uma solução imposta à Grécia" e que o próprio desenho do pacote de reformas "não é viável".

A demissão surge na sequência do acordo assinado na segunda-feira de manhã entre a Grécia e os credores internacionais, depois de um fim de semana de intensas negociações em Bruxelas.

No princípio da semana, o próprio primeiro-ministro tinha previsto divisões no seio do seu próprio partido e chegou mesmo a dizer que iria confiar na oposição para fazer aprovar o novo pacote de austeridade, em troca de apoio financeiro para fazer face a compromissos de curto prazo, entre os quais o pagamento de 3,5 mil milhões de euros ao Banco Central Europeu já na segunda-feira.

Lusa

  • "Vi o Bas Doost a jorrar sangue para o chão (...) revoltei-me!"
    3:28
  • "Esta semana parecia um filme de terror"
    2:24

    Desporto

    O treinador do Sporting falou pela primeira vez à imprensa desde as agressões de que foi alvo em Alcochete. Jorge Jesus disse que a última semana "parecia um filme de terror" e deixou um agradecimento especial aos adeptos e à "capacidade emocional" dos jogadores.

  • Já se pode pescar sardinha mas há limitações

    País

    A proibição da pesca da sardinha termina hoje, podendo, até 31 de julho, os pescadores capturar 4.855 toneladas, com limites diários, medidas de proteção dos juvenis e monitorização da pescaria, disse à Lusa o Ministério do Mar.

  • Nicolas Maduro vence presidenciais na Venezuela

    Mundo

    O chefe de Estado venezuelano, Nicolas Maduro, foi declarado vencedor das eleições presidenciais de domingo pela autoridade eleitoral, com perto de 70% dos votos, depois de contados quase todos os boletins.

  • "Desfiliei-me do PS mas continuo socialista"
    1:29