sicnot

Perfil

Crise na Grécia

PCP condena "processo de asfixia financeira" da UE e do FMI à Grécia

PCP condena "processo de asfixia financeira" da UE e do FMI à Grécia

Jerónimo de Sousa voltou esta quinta-feira a criticar a posição da União Europeia nas negociações da Grécia. Na apresentação dos candidatos pelo distrito do Porto, o líder do PCP criticou também o que considerou ser "a conivência" do Governo português.

  • De acordo em acordo até ao desastre final

    António José Teixeira

    Já não chegava o desgoverno de décadas, a Grécia prepara-se agora para sofrer a terceira penitência em cinco anos dos seus salvadores europeus. Dividida, humilhada, revoltada, agora resignada, travada pelo mêdo de males ainda maiores, não parece ter outro remédio senão vergar-se à protecção dos credores. Já muito dinheiro chegou e fugiu. Boa parte dos gregos não deram por ele. Mas sabem que, mesmo só o vendo fugir, é preciso que continue a correr. Ninguém sabe quando é que o deve se aproximará do haver. O que se sabe é que nem devedores nem credores querem que a circulação monetária se interrompa. É isso que os mantem ligados, mesmo que sem convicção.

  • Linha de crédito para bancos gregos com mais 900 milhões por uma semana
    2:34

    Crise na Grécia

    O Banco Central Europeu vai aumentar a ajuda aos bancos e a Europa prepara-se para libertar sete mil milhões de euros para a Grécia. No país já se fala de eleições antecipadas, ainda este verão. O Syriza está totalmente dividido e a contestação voltou às ruas. A linha de crédito para os bancos gregos terá mais 900 milhões de euros por uma semana.

  • Outros casos de fuga de prisões portuguesas
    2:58

    País

    Nos últimos cinco anos, 52 reclusos fugiram de cadeias portuguesas, mas foram todos recapturados. Entre 1999 e 2009, fugiram oito reclusos da prisão de Caxias. Em 2005, um homem condenado a 21 anos de prisão fugiu de Coimbra, viajando por França e pela Polónia. Manuel Simões acabou por ser detido no regresso a Portugal.

  • Portugal sem resposta de Moçambique sobre português desaparecido em Maputo
    1:25

    País

    Portugal tem tentado, sem sucesso, obter respostas das autoridades moçambicanas sobre o rapto de um empresário português há sete meses. De acordo com a notícia avançada este domingo pelo jornal Público, uma carta enviada há duas semanas pelo Presidente da República ao homólogo moçambicano não teve resposta. O Governo de Moçambique tem ignorado pedidos de informação das autoridades portuguesas.

  • Táxi capaz de sobrevoar filas de trânsito ainda este ano no Dubai

    Mundo

    É o sonho de muitos que passam horas intermináveis em filas de trânsito. Trata-se de um drone com capacidade para transportar pessoas. "Operações regulares" deste insólito aparelho terão início em julho, no Dubai. O anúncio foi feito pela entidade que gere os transportes da cidade. Apenas um passageiro, com o peso máximo de 100 kg, pode seguir viagem neste táxi revolucionário, capaz de sobrevoar vias congestionadas pelo trânsito.