sicnot

Perfil

Crise na Grécia

Crise na Grécia

Crise na Grécia

Afinal a ideia foi do primeiro-ministro holandês, segundo Donald Tusk

Contrariando as declarações do primeiro-ministro português, o presidente do Conselho Europeu afirma que a ideia que desbloqueou o acordo entre os credores e a Grécia partiu do primeiro-ministro holandês, Mark Rutte, via SMS.

Donald Tusk veio agora atribuir ao primeiro-ministro holandês a autoria da ideia que desbloqueou o acordo entre os credores e o governo de Alexis Tsipras.

Donald Tusk veio agora atribuir ao primeiro-ministro holandês a autoria da ideia que desbloqueou o acordo entre os credores e o governo de Alexis Tsipras.

© Francois Lenoir / Reuters

Em entrevista a vários jornais europeus, entre eles o Financial Times e Le Monde, Donald Tusk detalhou as horas e os momentos críticos que antecederam o acordo prévio sobre a Grécia.

Na segunda-feira, em conferência de imprensa, Passos Coelho afirmou ter sido dele a ideia de usar o fundo de privatizações para recapitalizar a banca grega.

Donald Tusk veio agora atribuir ao primeiro-ministro holandês a autoria da ideia que desbloqueou o acordo entre os credores e o governo de Alexis Tsipras. Durante a longa entrevista de Tusk não há qualquer referência a Passos Coelho. Há apenas registo de um tweet do editor de temas europeus do jornal Guardian, dando conta que "uma mensagem do primeiro-ministro holandês com aritmética portuguesa".

As declarações de Passos foram amplamente parodiadas redes sociais, através da hashtag #poracasofoiideiaminha.

  • Eduardo Cabrita nomeado ministro da Administração Interna

    País

    O primeiro-ministro propôs esta quarta-feira ao Presidente da República a nomeação de Eduardo Cabrita para o cargo de ministro da Administração Interna e de Pedro Siza Vieira para ministro Adjunto do primeiro-ministro. A tomada de posse realiza-se no sábado às 09:00.

  • Um pedido de desculpas aos portugueses e um ultimato ao Governo
    3:21
  • Vouzela tenta regressar à normalidade, 8 pessoas morreram no concelho
    2:28

    País

    No concelho de Vouzela, a população começa a voltar à normalidade. Aos poucos a luz e a água estão a voltar e as pessoas começam a ganhar forças para reconstruir aquilo que lhes foi tirado pelos fogos. No entanto, as feridas demoram a sarar e não será fácil esquecer que 80 a 90 por cento deste concelho foi destruído pelos incêndios e oito pessoas morreram.

  • Material de guerra de Tancos encontrado, faltam munições
    1:40
  • "Se os bombeiros não chegam, os vizinhos vão ficar sem casa"
    1:03
  • Madrid admite suspender autonomia da Catalunha
    1:51
  • Alemanha já tem uma versão de Donald Trump... em cera
    1:08