sicnot

Perfil

Crise na Grécia

Crise na Grécia

Crise na Grécia

"Este programa vai fracassar", diz Varoufakis

O ex-ministro grego das Finanças Yanis Varoufakis afirmou hoje que as reformas económicas impostas ao seu país pelos credores "vão fracassar", antes do início das conversações sobre o novo resgate à Grécia.

© Christian Hartmann / Reuters

Em declarações à BBC, Varoufakis considerou que a Grécia está sujeita a um programa económico que irá passar à história como o maior "desastre" macroeconómico.

As declarações do ex-ministro surgem um dia depois de o parlamento alemão ter aprovado o início das negociações sobre o novo resgate à Grécia, que pode ascender a 86 mil milhões de euros em troca de duras medidas de austeridade.

"Este programa vai fracassar, independentemente de quem o implementar", insistiu Varoufakis, segundo o qual o primeiro-ministro grego, Alexis Tsipras, não tinha outra opção senão assinar o acordo.

E assinalou: "Deram-nos a opção entre ser executados e capitular. Ele [Tsipras] decidiu que a capitulação era a última estratégia".

Yanis Varoufakis apresentou a sua demissão do governo grego na segunda-feira, 6 de julho, horas depois da vitória do 'Não' no referendo grego à proposta de acordo apresentada na semana anterior pelo Eurogrupo ao executivo helénico.

Entretanto, o parlamento grego aprovou, na madrugada de quinta-feira, o acordo alcançado na segunda-feira com os líderes da zona euro para permitir o terceiro resgate financeiro do país.

Com Lusa

  • Novas imagens dos momentos após Khalid Masood ter embatido no muro do Parlamento britânico
    1:35
  • Parlamento português pede demissão de Dijsselbloem

    País

    A Assembleia da República foi hoje unânime na condenação das polémicas declarações do presidente do Eurogrupo, mas recusou um ponto pela rejeição de diversos compromissos com a União Europeia (UE) exigida pelo PCP.

  • Comissão Europeia quer proibir o tabaco na praia

    País

    A Comissão Europeia quer proibir o tabaco em todos os espaços públicos, incluindo praias, parques infantis e equipamentos desportivos. A proposta foi apresentada pelo comissário da Saúde e Segurança Alimentar que, além de querer reduzir a dependência do tabaco, também sugere que todos os estados membros apliquem uma idade mínima para a venda de tabaco.

  • Como se resolve a falta de espaço numa cidade chinesa?
    1:07