sicnot

Perfil

Crise na Grécia

Crise na Grécia

Crise na Grécia

BCE indica que recebeu da Grécia 4,2 mil milhões

O Banco Central Europeu (BCE) afirmou hoje que a Grécia cumpriu o pagamento de 4,2 mil milhões de euros que tinha de fazer à instituição. "O BCE confirma que recebeu o pagamento", disse um porta-voz da entidade monetária citado pela Efe.

© Yiannis Kourtoglou / Reuters

A Grécia tinha de pagar hoje ao BCE 3,5 mil milhões de euros relativos a títulos que venciam e 700 milhões em juros.

Em Atenas, fonte próxima do Ministério das Finanças grego já tinha indicado à AFP que foram concluídas as operações para pagamento de cerca de 2 mil milhões de euros ao Fundo Monetário Internacional (FMI) e de 4,2 mil milhões ao BCE.

A Grécia, que não recebia financiamento dos credores desde agosto de 2014, não conseguiu fazer um pagamento de 1,56 mil milhões de euros ao FMI que vencia a 30 de junho, nem um outro de 456 milhões de euros a 13 de julho, mas hoje reembolsou a instituição liderada por Christine Lagarde.

"Posso confirmar que a Grécia liquidou hoje o que devia ao FMI e deixou de ter pagamentos em atraso", indicou o porta-voz Gerry Rice em comunicado.

Estes reembolsos foram possíveis depois de a Grécia ter recebido do Mecanismo Europeu de Estabilização Financeira um financiamento intercalar de 7,16 mil milhões de euros para fazer face aos seus problemas de liquidez.

Deste montante, Atenas também teve de pagar ao Banco da Grécia um empréstimo de 500 milhões de euros cujo prazo terminou no final de junho.

Com o restante e com os recursos do Estado, este deverá estar em condições de cumprir as suas obrigações até ao fim do mês, essencialmente pagamentos de reformas e salários de funcionários públicos, acrescentou a fonte, numa altura em que ainda não se sabe qual será a situação financeira do país em agosto, nem quando será assinado o novo programa de assistência financeira à Grécia acordado com os credores no passado dia 13.

Lusa

  • O papel da religião no quotidiano
    24:57
  • Jane Goodall iniciou palestra com sons semelhantes aos dos chimpanzés
    2:18

    País

    A investigadora Jane Goodall esteve esta quinta-feira em Lisboa para participar numa conferência da National Geographic. A primatóloga começou o seu discurso com sons semelhantes aos dos chimpanzés. Numa entrevista à SIC, Goodall falou sobre os chimpanzés e sobre o trabalho que continua a desenvolver em todo o mundo, em prol do ambiente, dos animais e das pessoas. 

  • NATO vai aumentar luta contra o terrorismo

    Mundo

    O secretário-geral da NATO, Jens Stoltenberg, disse que os aliados da NATO concordaram esta quinta-feira em aumentar a luta contra o terrorismo e em "investir mais e melhor" na Aliança.

  • Trump empurra líder do Montenegro para ficar à frente na fotografia

    Mundo

    A reunião de líderes dos Estados-membros da NATO, que decorreu esta quinta-feira em Bruxelas, na Bélgica, ficou marcada por um momento insólito em que o Presidente norte-americano não quis abdicar de ficar no melhor plano possível nas fotografias de grupo. Nem que para isso tenha sido necessário empurar o líder de outro país.

  • O humor de John Kerry nas críticas a Trump
    0:40

    Mundo

    John Kerry criticou as ligações de Donald Trump com a Rússia durante um discurso de abertura, na Universidade de Harvard. O ex-secretário de Estado norte-americano disse, em tom de brincadeira, que se os jovens querem vingar na política, devem primeiro aprender a falar russo.