sicnot

Perfil

Crise na Grécia

Crise na Grécia

Crise na Grécia

Tsipras garante conclusão das negociações com credores antes do final do mês

O primeiro-ministro grego disse este domingo que as negociações com os credores para aceder à próxima tranche do resgate estarão concluídas "antes do final do mês" e que a Grécia "está a sair da crise sem destruir a sociedade".

Alexis Tsipras, que falava no no congresso ordinário do seu partido, Syriza, disse que as negociações "avançam" e que o seu governo será capaz de garantir o acesso à próxima tranche do resgate antes do final de setembro.

O executivo grego e os credores concluíram na sexta-feira uma semana de negociações sobre os assuntos pendentes da primeira avaliação do programa de resgate com avanços na maioria dos temas mas sem um acordo final.

Do bom termo destas negociações, que continuam na próxima semana, sobre 15 assuntos pendentes depende o desembolso de uma tranche de 2.800 milhões de euros.

O governo e os representantes dos credores (Comissão Europeia, Banco Central Europeu, Mecanismo Europeu de Estabilidade e Fundo Monetário Internacional) abordarão na próxima semana também os temas pendentes da segunda avaliação, incluindo a polémica reforma laboral, que, segundo o calendário previsto, começará em meados de outubro.

O chefe do executivo grego sublinhou, no congresso do Syrisa, que na negociação da dita reforma vai procurar "reinstaurar a negociação coletiva" para eliminar o "mito" neoliberal, cujas receitas, criticou, "foram aplicadas e falharam na Grécia, a economia não se tornou mais competitiva".

Tsipras declarou, por outro lado, que "a economia (grega) dá os primeiros sinais de recuperação", algo que se reflete "nos últimos dados da Elstat (a agência de estatística grega)" já que "se o desemprego cai é sinal de que alguma coisa mexe".

O desemprego na Grécia desceu 1,8% no segundo trimestre de 2016 para 23,1% da população ativa, segundo Elstat.

"Os gregos não nadam num mar de alegrias, mas veem que a cada passo a nossa preocupação é a proteção dos mais débeis", assegurou Tsipras.

Lusa

  • Confrontos entre gangues rivais na prisão brasileira de Natal

    Mundo

    Dois gangues rivais entraram em confronto na Penitenciária de Alcaçuz, a mesma onde morreram 26 presos num motim esta semana, avança a agência France Press. O site da Globo refere que há um morto e sete feridos. O Exército já foi chamado a intervir.

    Em desenvolvimento

  • As crianças e o frio. O que vestir
    1:58

    País

    O médico Pedro Ribeiro da Silva, da Direção-Geral da Saúde, aconselha especial cuidado com as extremidades do corpo - usar luvas e gorros. E demasiado agasalhadas pode levá-as a transpirar mais e, consequentemente, desidratar.

  • Transportes públicos de Cascais vão ficar mais baratos
    2:32

    Economia

    Os transportes públicos de Cascais vão ficar mais baratos já a partir do próximo mês e a poupança nos passes combinados pode chegar até aos 12 euros por mês. Para além disso, foram criados 1280 lugares de estacionamento gratuito junto às estações da CP e Governo reafirma ainda que a linha será alvo de obras de melhoramentos este ano. Em 2016 passaram pela linha de Cascais 25 milhões de passageiros, mais 2,9% que no ano anterior.

  • Edíficio histórico de Teerão desmorona-se durante incêndio
    1:20
  • Cantora da Lambada encontrada morta carbonizada

    Cultura

    A cantora brasileira Loalwa Braz Vieira, ícone da Lambada do fim dos anos 80 e intérprete da música "Chorando se foi", foi encontrada morta num carro incendiado em Saquarema, Rio de Janeiro. A notícia é avançada pela Globo.