sicnot

Perfil

Guterres na ONU

Guterres na ONU

Guterres na ONU

Santos Silva diz que Guterres será "secretário-geral que representa a voz" dos 193 países

O ministro dos Negócios Estrangeiros português, Augusto Santos Silva, congratulou-se esta quarta-feira com a vitória de António Guterres no Conselho de Segurança das Nações Unidas e garantiu que será um "secretário-geral que representa a voz" de todos os 193 países da organização.

O Governo português recebeu a notícia da vitória de Guterres no Conselho de Segurança, que esta quinta-feira deverá indicar o seu nome para a Assembleia-Geral, com "muito orgulho, muita alegria, muita satisfação", disse hoje à Lusa o chefe da diplomacia portuguesa.

"António Guterres tem a capacidade de estabelecer pontes. Ele vai ser um secretário-geral que representa a voz das Nações Unidas como tal, de todas as nações, de todos os 193 países que fazem parte das Nações Unidas", afirmou Augusto Santos Silva.

O antigo primeiro-ministro português ficou à frente, com 13 votos favoráveis, e não recolheu nenhum veto na sexta votação do Conselho de Segurança - com 15 membros - das Nações Unidas, em Nova Iorque, para eleger o próximo secretário-geral da organização.

O presidente do Conselho de Segurança das ONU disse aos jornalistas, no final da sexta votação do Conselho de Segurança para secretário-geral, que o organismo espera recomendar "por aclamação" o nome de António Guterres na quinta-feira.

Lusa

  • As vantagens de comprar online
    8:03
  • Suspeito de homicídio à porta do Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em preventiva
    1:36

    País

    O suspeito de ser o autor dos disparos que mataram um jovem junto à discoteca Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em prisão preventiva. Segundo a investigação, tudo terá começado com um mero desacato, ainda dentro da discoteca, onde a vítima e o detido foram filmados a discutir. O homem de 23 anos está indiciado por dois crimes de homicídio, um na forma tentada.

  • Filho de Trump critica mayor de Londres por palavras de 2016

    Ataque em Londres

    Donald Trump Júnior criticou o presidente da Câmara de Londres logo a seguir ao ataque de quarta-feira que fez três mortos e mais de 40 feridos. O filho de Presidente publicou no Twitter uma reação a uma declaração de Sadiq Khan de setembro de 2016. Para o Presidente dos EUA, o ataque em Londres é "uma grande notícia".

  • Marcelo reuniu-se com líderes europeus para falar do futuro da UE
    2:31

    País

    Marcelo Rebelo de Sousa esteve esta quarta-feira em Bruxelas e participou numa homenagem às vítimas do atentado em Bruxelas, onde colocou uma coroa de flores junto ao monumento.O Presidente da República esteve também reunido com os líderes das principais instituições europeias para falar sobre o futuro da UE.