sicnot

Perfil

Guterres na ONU

Guterres na ONU

Guterres na ONU

Primeiro-ministro chinês felicita Portugal pela eleição de Guterres

O primeiro-ministro chinês, Li Keqiang, felicitou hoje Portugal e o povo português pela eleição de António Guterres para o cargo de secretário-geral das Nações Unidas, referindo que a China "facilitou" aquele mesmo desfecho.

"O Governo chinês facilitou a nomeação do engenheiro Guterres para o cargo de secretário-geral da ONU, um orgulho para todo o povo português", afirmou Li, na conferência de imprensa conjunta com o primeiro-ministro António Costa, no Grande Palácio do Povo, em Pequim.

O responsável chinês enalteceu o "progresso estável" nas relações entre os dois países, desde o estabelecimento das relações diplomáticas, em 1979, com destaque para a forma como Lisboa lidou com questão de Macau.

Portugal e China "realizaram uma transição estável da soberania de Macau, via negociações amigáveis", disse.

Li afirmou que os dois países "têm mantido uma estreita colaboração em assuntos regionais e internacionais", saudando o reforço da "confiança política mútua".

Após anunciar a assinatura de oito acordos nos domínios da cultura e da economia, o primeiro-ministro chinês apontou o setor das energias - "especialmente a energia renovável" - e de componentes para automóveis como áreas "preferenciais" para a colaboração.

"Portugal deve aproveitar a procura do mercado chinês na área de componentes para automóveis", disse.

A China é o maior mercado de automóveis do mundo e, em 2015, venderam-se 24,59 milhões de unidades no país, um valor recorde.

António Costa foi hoje recebido pelo seu homólogo chinês com guarda de honra, salvas de canhão e o hino dos dois países tocado por uma banda militar.

A cerimónia decorreu junto à porta leste do Grande Palácio do Povo, de frente para a Praça Tiananmen. Na avenida que passa no topo norte da praça, os candeeiros estavam ornamentadas com as bandeiras dos dois países.

O primeiro-ministro português iniciou no sábado uma visita oficial à China que, além de Pequim, o levará também a Xangai, Macau e Shenzhen.

Lusa

  • Luís Pina indiciado por quatro crimes de tentativa de homicídio
    2:24
  • Ministro "mais descansado" com relatório sobre Almaraz, ambientalistas contestam
    2:01

    País

    O ministro do Ambiente diz estar mais descansado depois de conhecer o relatório técnico que considera o armazém de resíduos nucleares em Almaraz uma solução adequada. Já as associações ambientalistas e os partidos criticam o parecer positivo à construção e querem ouvir os ministros do Ambiente e dos Negócios Estrangeiros no Parlamento.

  • Marcelo recebido por multidão na Ovibeja
    2:52
  • Líderes europeus unidos para iniciar saída do Reino Unido
    2:08
  • 100 dias de Trump em 04'30''
    4:33

    Pequenas grandes histórias

    Donald Trump tomou posse como 45º Presidente dos EUA dia 20 de janeiro de 2017, faz este sábado, 100 dias. Prometeu grandes mudanças, mas os planos acabaram por chocar de frente com a realidade e a burocracia de Washington, como foi o caso do Obamacare. Foi a primeira ordem executiva que assinou, no dia em que tomou posse, mas a revogação está longe de acontecer.