sicnot

Perfil

Guterres na ONU

Guterres na ONU

Guterres na ONU

Vaticano elogia nomeação e percurso de António Guterres

O secretário de Estado do Vaticano, Pietro Parolin, elogiou esta quarta-feira em Fátima o percurso de António Guterres e a sua nomeação para secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU).

"A nomeação de António Guterres é um motivo de satisfação", disse o chefe da diplomacia da Santa Sé, recordando que o Vaticano não vota para a eleição do secretário-geral, já que é membro observador das Nações Unidas.

Pietro Parolin está em Fátima até quinta-feira para presidir à peregrinação internacional de outubro, que encerra as comemorações do 99.º aniversário das Aparições.

"Exprimo a nossa satisfação pela nomeação de António Guterres. Tem uma trajetória meritória e um grande percurso, tanto como político, como Alto-Comissário das Nações Unidas para os Refugiados", disse Pietro Parolin, em conferência de imprensa.

O representante do Vaticano desejou ainda "boa sorte" a Guterres para um "trabalho que não será fácil" e disse esperar que o antigo primeiro-ministro português seja capaz de ajudar a modificar um Mundo que está em crise e em mudança.

António Guterres foi anunciado como o nome proposto pelo Conselho de Segurança da ONU para suceder a Ban Ki-moon. A decisão cabe na quinta-feira à Assembleia-Geral da organização, numa votação em que basta uma maioria simples para formalizar a eleição.

Lusa

  • Os negócios menos claros do filho de Pinto da Costa
    1:55
  • BCE autoriza CGD a avançar com recapitalização

    Caso CGD

    A Caixa Geral de Depósitos informou esta sexta-feira que vai prosseguir com as operações da primeira fase do aumento de capital, depois de ter obtido autorização para isso junto do Banco Central Europeu (BCE) e do Banco de Portugal.

  • Condutores apanhados a mais de 200 em corridas ilegais na Ponte Vasco da Gama
    1:25
  • A história da guerra em Alepo
    7:43
  • Reino Unido em alerta máximo de terrorismo

    Mundo

    O Reino Unido elevou o alerta de terrorismo para o nível máximo depois das declarações, esta quinta-feira, do chefe das secretas britânicas. O diretor do MI6 está preocupado com eventuais ataques contra o Reino Unido e outros aliados.

  • Uma "cidade fantasma" na Letónia
    3:10
  • O anúncio de natal que está a emocionar o mundo
    1:47