sicnot

Perfil

Guterres na ONU

Guterres na ONU

Guterres na ONU

O que foi dito sobre António Guterres

António Guterres foi aclamado esta quinta-feira secretário-geral da ONU. A agência Lusa reuniu uma série de citações sobre a escolha do antigo primeiro-ministro português para o mais alto cargo das Nações Unida. Conheça aqui o que foi dito sobre António Guterres.

NUNO VEIGA/LUSA

António Guterres

"Para dizer aquilo que sinto neste momento bastarão duas palavras: humildade e gratidão."

Ao reagir à decisão do Conselho de Segurança da ONU de o indicar para secretário-geral das Nações Unidas

06-10-2016


"É com gratidão e humildade e com grande sentido de responsabilidade que me apresento hoje."

13-10-2016

Marcelo Rebelo de Sousa, Presidente da República

"As Nações Unidas têm agora uma oportunidade única para se repensarem, para se reverem, para se reformarem ao serviço da comunidade internacional."

06-10-2016

"Já temos secretário-geral, que grande alegria."

13-10-2016

© Hugo Correia / Reuters

António Costa, primeiro-ministro

"Como português, com um enorme orgulho, e como cidadão do mundo, com uma enorme satisfação, porque tudo indica que vamos ter a pessoa certa no lugar certo."

Após António Guterres ter reunido o apoio do Conselho de Segurança da ONU para ser indicado como secretário-geral da organização

05-10-2016

Augusto Santos Silva, ministro dos Negócios Estrangeiros

"Ele vai ser um secretário-geral que representa a voz das Nações Unidas como tal, de todas as nações, de todos os 193 países que fazem parte das Nações Unidas."

05-10-2016

Ban Ki-moon, secretário-geral da ONU

"Conheço muito bem Guterres e considero que representa uma excelente escolha."

06-10-2016

© Reuters Photographer / Reuter

Cavaco Silva, ex-Presidente da República

"É com particular orgulho que felicito o engenheiro António Guterres pela sua eleição para o cargo de secretário-geral das Nações Unidas. (...) O engenheiro Guterres tem indiscutivelmente o perfil, a experiência e os conhecimentos para desempenhar o mais alto cargo do sistema das Nações Unidas."

05-10-2016

Pedro Passos Coelho, presidente do PSD

"É histórico para Portugal, é a primeira vez que um português terá este lugar tão relevante."

05-10-2016

Assunção Cristas, presidente do CDS/PP

"É uma vitória para as Nações Unidas que terão o melhor candidato possível para este cargo. É também algo que honra muito Portugal e que nos permite continuar a afirmar-nos como nação que constrói pontes, que constrói consensos e que procura trabalhar pela paz no mundo."

05-10-2016

Rui Machete, ex-ministro dos Negócios Estrangeiros

"A diplomacia portuguesa foi boa, ajudou, esforçou-se, mas, naturalmente, o papel pessoal do engenheiro Guterres foi determinante."

05-10-2016

© Mike Segar / Reuters

Kristalina Georgieva, candidata búlgara ao cargo de secretário-geral da ONU

"Parabéns a António Guterres - o futuro secretário-geral! Boa sorte em continuar uma agenda ambiciosa para a ONU."

Twitter, 05-10-2016

José Ramos-Horta, antigo presidente de Timor-Leste e Nobel da Paz

"Parabéns António Guterres! Parabéns Portugal! Parabéns Conselho de Segurança! Parabéns ONU! Sábia decisão de todos!"

05-10-2016

Martin Schulz, presidente do Parlamento Europeu

"Ele será um sensacional secretário-geral das Nações Unidas. Um orgulho para a Europa."

Twitter, 05-10-2016

Georges Chikoti, ministro das Relações Exteriores de Angola

"Esta eleição é muito importante para África, para a CPLP [Comunidade dos Países de Língua Portuguesa] para Angola e para a comunidade internacional em geral. O engenheiro Guterres tem sido um lutador incansável pelas causas importantes da comunidade internacional, em particular dos refugiados."

05-10-2016

José Serra, ministro das Relações Exteriores do Brasil

"António Guterres possui qualificações profissionais e estatura política incontestáveis para liderar as Nações Unidas no enfrentamento dos múltiplos desafios globais, na condução da necessária reforma da Organização, inclusive do seu Conselho de Segurança, e nos esforços para a promoção da paz, do desenvolvimento sustentável e dos direitos humanos."

05-10-2016

João Gomes Cravinho, embaixador da União Europeia

"Parabéns Nações Unidas pela sabedoria da escolha de António Guterres como novo secretário-geral, e pela transparência do processo."

05-10-2016

Texto da resolução do Conselho de Segurança da ONU

"O Conselho de Segurança recomenda à Assembleia Geral que o senhor António Guterres seja designado como secretário-geral das Nações Unidas, entre 01 de janeiro de 2017 e 31 de dezembro de 2021."

06-10-2016

Vitaly Churkin, embaixador russo na ONU

"É uma pessoa que fala com toda a gente e que ouve toda a gente. Diz aquilo que pensa. É muito afável. Estou contente por recomendarmos Guterres."

06-10-2016

Frank-Walter Steinmeier, ministro dos Negócios Estrangeiros alemão

"Num mundo que está fora dos eixos, o papel das Nações Unidas é mais importante do que nunca. António Guterres pode contar plenamente com o apoio alemão."

06-10-2016

© Rafael Marchante / Reuters

Freitas do Amaral, antigo ministro dos Negócios Estrangeiros

"Sendo Guterres uma pessoa de consensos e uma pessoa de causas, estou convencido que ele vai fazer um grande mandato como secretário-geral das Nações Unidas."

05-10-2016

Ana Gomes, eurodeputada do PS

"Guterres tem condições únicas para ser um grande secretário-geral, o que as Nações Unidas e o mundo precisam."

05-10-2016

Maria de Belém, ex-presidente do PS

"Foi simultaneamente uma vitória individual e uma vitória coletiva, para o país, e para a diplomacia portuguesa."

05-10-2016

Comunicado do Benfica

"É um enorme prestígio para o país, mas também uma excelente notícia para o mundo, que encontra em António Guterres o melhor exemplo do que se pretende para a liderança da mais importante organização internacional, que trabalha em prol da paz e na ajuda a todos aqueles que mais precisam."

05-10-2016

Bruno de Carvalho, Presidente do Sporting

"O engenheiro António Guterres vai amanhã ser confirmado como futuro secretário-geral das Nações Unidas. Como português não posso deixar de manifestar o meu orgulho por ver um compatriota ser eleito para o mais relevante e importante cargo à escala internacional."

Facebook, 05-10-2016

Eduardo Lourenço, ensaísta e filósofo

"A escolha de António Guterres para secretário-geral das Nações Unidas é o acontecimento mais importante para Portugal, pelo menos desde a Revolução de Abril."

10-10-2016

Com Lusa

  • CGD terá de reconhecer imparidades e prepara saída de 2 mil funcionários
    2:45

    Caso CGD

    O novo plano estratégico da Caixa está pronto e foi entregue há duas semanas ao Ministério das Finanças. A SIC sabe que está a ser preparada a saída de 2 mil trabalhadores e que o banco terá de reconhecer imparidades. O Expresso diz que a CGD vai fechar o ano com prejuízos que podem chegar aos 3 mil milhões de euros.

  • Jovens do exército russo aderem ao Desafio do Manequim
    1:01

    Mundo

    Na Rússia, o grupo de jovens do exército também já aderiu ao famoso Mannequin Challenge. O vídeo foi divulgado pelo Ministério da Defesa russo. O objetivo é mostrar o dia-a-dia do chamado exército de jovens, cuja principal missão passa por sensibilizar os russos para a necessidade de cumprir o serviço militar obrigatório.