sicnot

Perfil

Guterres na ONU

Guterres na ONU

Guterres na ONU

Guterres defende "visão não tecnocrática" para atingir objetivos da ONU

António Guterres, defendeu esta quarta-feira no primeiro encontro com os estados-membros da ONU enquanto secretário-geral designado uma "visão não tecnocrática" para os desafios da organização.

António Guterres no primeiro encontro com os estados-membros da ONU enquanto secretário-geral designado

António Guterres no primeiro encontro com os estados-membros da ONU enquanto secretário-geral designado

Julie Jacobson

Referindo-se às perguntas dos estados-membros sobre a Agenda de Desenvolvimento Sustentável Pós-2015 e o Acordo do Clima de Paris, Guterres defendeu uma "visão não tecnocrática" para a implementação dos dois documentos.

"Uma visão que mobiliza recursos para os que têm mais dificuldade", como os países em desenvolvimento e os pequenos estados insulares, disse.

"São duas faces de uma mesma realidade que têm a ver, sobretudo, com a eliminação da pobreza e com assegurar que temos um planeta sustentável", acrescentou.

António Guterres apresentou-se no encontro com a sua equipa de transição, composta por cinco pessoas, entre as quais o diplomata português João Madureira.

O antigo Alto-comissário para os Refugiados respondeu também às muitas perguntas sobre as nomeações que fará para cargos seniores enunciando os critérios que estabeleceu.

"Competência e integridade, paridade de género, como uma forma de empoderamento de mulheres e meninas em todo o mundo, e diversidade regional", explicou o português.

Guterres respondeu esta quarta-feira a dezenas de perguntas dos estados-membros da ONU e representantes dos grupos regionais, mas começou o encontro a dizer que estava presente para "ouvir e aprender."

No encontro, que durará cerca de três horas, todos os Estados-membros da ONU poderão fazer intervenções.

Entre as primeiras intervenções, destacaram-se elogios à escolha de António Guterres e ao processo que levou à sua eleição.

"Houve um nível sem precedentes de transparência", disse um dos primeiros participantes, o português João Vale de Almeida, embaixador da União Europeia junto da ONU.

Lusa

  • Mais de 50 concelhos do país em risco máximo de incêndio

    País

    Mais de meia centena de concelhos de dez distritos do país estão hoje em risco 'máximo' de incêndio, segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA). De acordo com o IPMA, estão sob este aviso 51 concelhos dos distritos de Castelo Branco, Faro, Portalegre, Santarém, Coimbra, Leiria, Guarda, Vila Real, Viseu e Bragança.

  • "Ao contrário do que diz a direita, o futuro dos jovens é aqui"
    0:52

    Economia

    António Costa atacou esta sexta-feira à noite a direita com o aumento do emprego jovem. Perante vários jovens no acampamento nacional da Juventude Socialista, o secretário-geral do PS dirigiu-se ainda aos partidos de direita para garantir que o aumento do salário mínimo está a criar mais emprego com maior qualidade.

  • Uma viagem aérea por Pegões
    1:00
    Visão de Portugal

    Visão de Portugal

    DIARIAMENTE NO JORNAL DA NOITE

    O espaço Visão de Portugal, do Jornal da Noite da SIC, mostra o país através de imagens aéreas. A rubrica leva-nos esta sexta-feira a sobrevoar Pegões, no concelho de Tomar. 

  • Porto eleito pela terceira vez o melhor destino europeu 
    2:53

    País

    O Porto foi eleito o melhor destino europeu pela terceira vez e as distinções internacionais não param de chegar. Desta vez os elogios chegam através da norte-americana CNN. Os preços acessíveis, a gastronomia, a história e a arquitetura são os pontos da cidade que tem a rua com maior tráfego do país. 

  • Lisboa é o terceiro melhor destino de cruzeiros
    1:22

    País

    O Turismo em Lisboa tem registado um crescimento. A cultura, a arte e os preços baixos são os pontos fortes apontados pelos turistas. A capital é já considerada o terceiro melhor destino de cruzeiros. O novo terminal do porto de Lisboa e a ligação direta a Pequim deverão aumentar ainda mais o número de visitantes.

  • Ir ao Minho e a Sintra
    22:50
  • Líder da Palestina hospitalizado

    Mundo

    O Presidente palestiniano, Mahmud Abbas, de 82 anos, foi hospitalizado este sábado em Ramallah, na Cisjordânia, para se submeter a um "exame de rotina" durante algumas horas, anunciou um porta-voz.