sicnot

Perfil

Crise no Brasil

Crise no Brasil

Crise no Brasil

Juíza federal do Rio de Janeiro também suspende nomeação de Lula como ministro

Uma juíza federal do Rio de Janeiro tornou-se hoje no segundo magistrado brasileiro a suspender de forma cautelar a nomeação do ex-Presidente Lula da Silva como ministro do Governo de Dilma Rousseff.

© Adriano Machado / Reuters

A juíza Regina Coele Formisano, titular do sexto juízo federal do Rio de Janeiro, aceitou um pedido apresentado por um advogado para anular a nomeação, por considerar procedente o argumento de que o mesmo visa proteger Lula da Silva, segundo a decisão.

A nomeação de Lula da Silva já tinha sido suspensa por um juiz do Tribunal Federal de Brasília, cuja decisão anulou o ato de tomada de posse, que decorreu hoje.

Ambas as decisões são provisórias e dependem de uma decisão definitiva sobre a procedência das denúncias dos tribunais regionais federais do Rio de Janeiro e de Brasília.

Segundo a juíza, ao nomear como titular do influente Ministério da Presidência uma pessoa que está sob investigação por vários crimes, a chefe de Estado "não só tem por objetivo conceder-lhe imunidade, como incorre num desvio de finalidade e ilegalidade de objetivo".

Dezenas de pedidos de suspensão da nomeação de Lula da Silva foram apresentados junto de vários tribunais.

O Supremo Tribunal de Federal recebeu dez pedidos de suspensão.

O Governo já recorreu para anular a decisão do juiz de Brasília e fará o mesmo em relação a todos os casos.

Lula da Silva foi acusado pelo Ministério Público de alegados crimes, incluindo branqueamento de capitais e falsificação.

A decisão de Dilma Rousseff de nomear Lula da Silva como ministro, alegadamente para o livrar da Justiça, provocou protestos por todo o país e causo divisões entre os partidos que apoiam o Governo.

Lusa

  • Quatro pessoas assassinadas em Barcelos

    País

    Quatro pessoas, entre elas uma grávida, foram assassinadas hoje em Tamel, no concelho de Barcelos. As vítimas terão sido esfaqueadas e o suspeito já se entregou.

    Em desenvolvimento

  • Défice de 2016 fica nos 2,1%

    Economia

    O défice orçamental ficou nos 2,1% do PIB em 2016, em linha com o previsto pelo Governo. É o valor mais baixo em democracia. Está aberto o caminho ao fim do Procedimento por Défices Excessivos.

    Em desenvolvimento

  • Libertado o ex-Presidente egípcio Hosni Mubarak

    Mundo

    O ex-Presidente egípcio foi libertado hoje, depois de ter sido absolvido por um tribunal de recurso, no início deste mês. Hosni Mubarak estava agora confinado a um hospital militar. O antigo chefe de Estado tinha sido condenado em 2012 pela morte de manifestantes nos protestos da Primavera Árabe.

  • Comissão Europeia quer proibir o tabaco na praia

    País

    A Comissão Europeia quer proibir o tabaco em todos os espaços públicos, incluindo praias, parques infantis e equipamentos desportivos. A proposta foi apresentada pelo comissário da Saúde e Segurança Alimentar que, além de querer reduzir a dependência do tabaco, também sugere que todos os estados membros apliquem uma idade mínima para a venda de tabaco.

  • "Nós aceitamos sempre os resultados das eleições"
    1:07

    País

    Durante a reunião do Conselho Nacional em Lisboa, o líder dos sociais-democratas garantiu que o partido tem fair-play mas disse que está nas eleições autárquicas para ganhar. Pedro Passos Coelho acrescentou ainda que o PSD aceita sempre os resultados das eleições.

  • Menina "rouba" chapéu ao Papa
    0:27
  • Data e local da canonização serão anunciados a 20 de abril
    2:23

    País

    O Papa aprovou esta quinta-feira o decreto que valida o milagre atribuído a Francisco e Jacinta. A data e local da cerimónia da canonização dos pastorinhos serão anunciados a 20 de abril, na reunião de cardeais no Vaticano. O Bispo de Leiria/Fátima acredita que a cerimónia possa ser a 13 de maio, durante a visita do Papa a Fátima.