sicnot

Perfil

Crise no Brasil

Crise no Brasil

Operação Lava Jato

Justiça pede condenação de ex-ministro José Dirceu em processo da Lava Jato

O Ministério Público do Brasil pediu a condenação do ex-ministro da casa civil José Dirceu e de outras 14 pessoas num processo da operação Lava Jato, segundo informações do jornal Folha de S. Paulo.

2012 - José Dirceu, ex-ministro da Casa Civil do Brasil.

2012 - José Dirceu, ex-ministro da Casa Civil do Brasil.

REUTERS

José Dirceu foi ministro da Casa Civil no primeiro governo do ex-Presidente Luiz Inácio Lula da Silva, mas acabou perdendo o cargo e acabou condenado por estar envolvido no escândalo de compra de votos de parlamentares do Congresso, conhecido como Mensalão.

A reportagem da Folha relata para os procuradores federais, José Dirceu teria aberto caminho para o desenvolvimento do esquema de corrupção na Petrobras, já que ele foi o responsável pela indicação de Renato Duque para a direção de Serviços da Petrobras.

Renato Duque foi condenado pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro no esquema de pagamento de propina em licitações da Petrobras.

O jornal informou que a defesa de José Dirceu ainda não tinha apresentado suas alegações.

Em janeiro, o ex-ministro relatou que não admitia ser acusado novamente e que não conseguia aceitar a sua prisão.

Lusa

  • Atacantes usaram "tática defendida pelos extremistas do Daesh"
    1:43

    Ataque em Barcelona

    O ex-presidente do Observatório de Segurança, Criminalidade Organizada e Terrorismo esteve em direto, para a SIC Notícias, onde falou sobre o ataque desta quinta-feira nas Ramblas, em Barcelona. José Manuel Anes falou na tática defendida na revista dos extremistas do Daesh e que foi usada neste ataque: a utilização de viaturas "de preferência as mais pesadas para matar o maior número de pessoas".