sicnot

Perfil

Crise no Brasil

Crise no Brasil

Operação Lava Jato

Brasil tem 58 milhões de pessoas com dívidas em atraso em março

O Brasil terminou o mês de março com 58 milhões de pessoas com dívidas em atraso, segundo um levantamento feito em conjunto pelo Serviço de Proteção ao Crédito e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas.

© Ricardo Moraes / Reuters

Os dados indicam que no mês passado, 700 mil pessoas entraram para a lista de pessoas com dívidas em atraso, valor que representa 7,5% mais do registado em março de 2015.

Aquele valor também é 1,2% maior do que o registo do mês de fevereiro.

Cerca de 4,2 milhões de novos devedores foram incluídos nas listas desde o início de 2015, quando o indicador apontava a existência de 54,6 milhões de registos de dívidas em atraso.

Em março, o incumprimento alcançou 39,64% da população com idade entre 18 e 95 anos.

A pesquisa também mostrou que as dívidas não pagas por segmento da economia tiveram maior aumento no segmento de contas básicas de água e luz.

"O aperto financeiro tem cada vez mais impacto na capacidade de pagamento até mesmo de contas básicas do dia-a-dia", explicou a economista-chefe do SPC Brasil, Marcela Kawauti.

A especialista finalizou a análise acrescentando que há vários meses as dívidas com os segmentos de serviços básicos para o funcionamento das residências tem crescido de modo substancial.

Lusa

  • TAP recruta mais assistentes de bordo
    2:40

    Economia

    A TAP assegura que, ainda durante o mês de outubro, os problemas com falta de tripulação vão terminar. Até ao final do ano, vão ser contratados novos assistentes de bordo. Ainda assim, o sindicato diz que não chega.

  • "Facilitámos muito no lance do 5-1 e não pode ser"
    1:09

    Desporto

    No final do jogo, o treinador do Desportivo de Chaves, Luís Castro, admitiu o domínio completo do Sporting durante todo o encontro. Já Jorge Jesus deixou elogios a Daniel Podence, que foi aposta para este jogo. O treinador do Sporting ficou satisfeito com a exibição mas não gostou de sofrer o golo de honra da equipa flaviense.