sicnot

Perfil

Crise no Brasil

Crise no Brasil

Operação Lava Jato

ONU repudia declarações de deputado brasileiro que exaltam tortura da ditadura

A ONU expressou esta sexta-feira o seu "repúdio" e "condenação" às declarações do deputado que exaltou a tortura exercida durante a ditadura no Brasil na votação de domingo sobre o processo de destituição da Presidente brasileira, Dilma Rousseff.

© Ueslei Marcelino / Reuters

O gabinete da ONU no Brasil censurou, em comunicado, a "retórica de falta de respeito contra os direitos humanos" proferida pelo deputado Jair Bolsonaro, que recordou o coronel Carlos Alberto Brilhante Ustra, um dos chefes do aparelho de repressão da ditadura que governou o país entre 1964 e 1985.

O deputado homenageou Ustra, que torturou Dilma Rousseff quando esteve presa por lutar contra a ditadura, no momento de votar pela continuidade do processo de destituição da Presidente.

Ustra foi "reconhecido pela justiça brasileira e pela Comissão Nacional da Verdade como torturador durante a última ditadura militar no país", recordou a ONU.

Segundo a ONU, aquele tipo de comentários são "inaceitáveis, especialmente quando feitos por representantes de instituições brasileiras e eleitos por voto popular".

A ONU sublinhou também que "qualquer tipo de apologia a violações dos direitos humanos e à tortura está absolutamente proibida pela Constituição brasileira e pelo direito internacional" e instou os brasileiros a defenderam os "valores da democracia e a dignidade humana".

Lusa

  • Francisco George toma posse como presidente da Cruz Vermelha Portuguesa

    País

    O ex-diretor-geral da Saúde, Francisco George toma hoje posse como presidente da Cruz Vermelha Portuguesa. Em entrevista à lusa, manifestou a intenção de criar uma unidade para abastecimento de água potável e redução dos problemas de saneamento em catástrofes como os incêndios deste verão. Além disso, em nome da transparência, vai tornar públicas as contas do organização, incluindo os donativos.

  • Árbitros recuam e vão apitar jogos do próximo fim de semana

    Desporto

    Os árbitros recuaram esta quarta-feira na intenção de não comparecer nos jogos do próximo fim de semana. Depois de na terça-feira a maioria dos juízes terem apresentado um pedido de dispensa dos jogos da 12.ª jornada do campeonato, esta quarta-feira adiaram a decisão após uma reunião com o Conselho de Arbitragem.

  • Comprar um carro em segunda mão sem ser enganado 
    8:44
  • Astronautas enviam mensagem no Dia de Ação de Graças
    1:06

    Mundo

    Comemora-se esta quinta-feira o Dia de Ação de Graças nos Estados Unidos. Mais de 50 milhões de norte-americanos viajam ao encontro da família para celebrar o feriado. Também na Estação Espacial Internacional a data não foi esquecida.