sicnot

Perfil

Crise no Brasil

Crise no Brasil

Operação Lava Jato

Câmara dos Deputados recua e aprova destituição de Dilma Rousseff

O presidente interino da Câmara dos Deputados do Brasil revogou a decisão que anulou a sessão de destituição da Presidente Dilma Rousseff, refere hoje uma nota oficial de Waldir Maranhão.

© Ueslei Marcelino / Reuters

"Comunico que revoguei a decisão por mim proferida em 09 de maio de 2016, por meio da qual foram anuladas as sessões de plenário da Câmara dos Deputados ocorridas nos dias 15, 16 e 17 de abril de 2016, nas quais se deliberou sobre a Denúncia por Crime de Responsabilidade", lê-se no documento emitido por Waldir Maranhão.

De acordo com o jornal Folha de São Paulo, o documento de Maranhão "revoga a sua própria decisão" de anular a sessão da Câmara dos Deputados que autorizou a abertura do processo de destituição da chefe de Estado.

Segundo o jornal brasileiro trata-se de um revés para Dilma Rousseff, que pretendia usar a decisão de Maranhão para solicitar ao Supremo Tribunal a paragem do processo de destituição.

Lusa

  • Rui Santos revela novos e-mails que envolvem o Benfica
    1:52
    Tempo Extra

    Tempo Extra

    3ª FEIRA 23:00

    No programa da SIC Notícias Tempo Extra, Rui Santos revelou esta terça-feira que o blogue de Hugo Gil, associado ao Benfica, partilhou informação privilegiada da APAF (Associação Portuguesa de Árbitros de Futebol) com várias figuras do clube da Luz.

  • "É preciso namorar bem para que o namoro dê certo"
    2:31
  • Governo vai proibir refeições nos monumentos com estatuto de panteão
    0:53

    País

    O Governo vai acabar com as refeições no Panteão Nacional e em edifícios com estatuto semelhante, como os mosteiros dos Jerónimos e da Batalha. A decisão foi anunciada esta terça-feira pelo ministro da Cultura, no Parlamento. Luís Filipe Castro Mendes esclareceu que a decisão surge no âmbito da revisão do regulamento sobre os monumentos.

  • O Futuro Hoje na maior feira eletrónica de consumo do mundo
    5:14