sicnot

Perfil

Crise no Brasil

Crise no Brasil

Operação Lava Jato

Dilma condena reação do Governo interino a críticas internacionais

Dilma Rousseff, Presidente brasileira com mandato suspenso, condenou esta segunda-feira a reação do Governo interino às críticas dos países latino-americanos ao seu processo de destituição e agradeceu a "solidariedade" que tem recebido "do mundo inteiro".

© Ueslei Marcelino / Reuters

"Forças partidárias, como as que pretendem agora conduzir a política externa brasileira - tradicionalmente submissas às grandes potências - não têm autoridade política ou moral para invocar o princípio da soberania, sobretudo quando têm costumeiramente praticado a ingerência nos assuntos internos de outros países da região", disse, num texto publicado nas redes sociais com o título "O mundo preocupado com o golpe no Brasil".

Dilma Rousseff reagiu ao facto de o Ministério das Relações Exteriores ter repudiado a posição de alguns Governos da região e do secretário-geral da União de Nações Sul-Americanas (Unasul), Ernesto Samper.

As críticas ao impeachment revelam, na visão de Dilma Rousseff, "a preocupação de que essas práticas, travestidas de legalidade, possam se espalhar por outras partes do mundo, especialmente na América Latina", promovendo a desestabilização de governos legítimos", e revertendo "grandes conquistas sociais e democráticas".

Segundo a Presidente com mandato suspenso, "povos da América Latina estão também preocupados com as ameaças que o novo ministro recorrentemente fez ao Mercosul".

Dilma Rousseff referia-se ao facto de o chefe da diplomacia brasileira interino, José Serra, ser um crítico da Mercosul, considerando um dos principais blocos económicos de que o Brasil faz parte é um "delírio megalomaníaco".

A líder temporariamente afastada do cargo denunciou ainda a "disposição" de José Serra para "estabelecer acordos económicos e comerciais profundamente lesivos ao interesse nacional".

No mesmo texto, Dilma Rousseff mostrou também gratidão à "solidariedade" que tem recebido "do mundo inteiro" contra o processo de 'impeachment', que qualificou de "farsa jurídica".

Dilma Rousseff foi temporariamente afastada do cargo na sequência da aprovação de um pedido de 'impeachment' no Congresso na quinta-feira, por suspeitas de irregularidades orçamentais, com despesas não autorizadas.

Enquanto decorre o julgamento, que não poderá exceder um período de 180 dias, Michel Temer, até agora vice-presidente, assumiu os destinos do país.

A líder brasileira só será afastada definitivamente se for condenada por uma maioria de dois terços dos senadores.

Lusa

  • Trump convida Putin a visitar EUA

    Mundo

    O Presidente dos EUA, Donald Trump convidou o homólogo russo a visitar a Casa Branca e Vladimir Putin ter-se-á mostrado disponível a visitar o país em breve, segundo a agência de notícia russa RIA Novosti que cita o chefe da diplomacia de Moscovo.

  • Fim de semana com chuva e descida da temperatura

    País

    A chuva regressa hoje a Portugal continental e permanece pelo menos até ao início da semana, prevendo-se ainda uma descida da temperatura máxima entre 04 a 06 graus Celsius, disse à Lusa a meteorologista Cristina Simões.

  • Hoje é notícia 

    País

    O PSD leva a debate parlamentar a reprogramação do atual quadro comunitário, desafiando os partidos a pronunciarem-se sobre a proposta inicial do Governo, que considera "não servir o país". Os parceiros sociais e o Governo reúnem-se na Concertação Social para discutirem o Programa Nacional de Reformas. O Sporting de Braga procura alcançar o Sporting no 3º lugar da I Liga, ao defrontar o Marítimo na abertura da 31.ª jornada.

  • 45 anos de Partido Socialista
    3:31

    País

    O PS completou 45 anos esta quinta-feira. Acaso ou não, a festa aconteceu um dia depois de terem ficado concluídos dois acordos com o PSD que fazem renascer o debate sobre o posicionamento ideológico do partido socialista.

  • Senado aprova à tangente novo diretor da NASA

    Mundo

    O Senado norte-americano aprovou na quinta-feira, à tangente, a nomeação do novo diretor da agência espacial norte-americana, com 50 votos favoráveis contra 49, colocando à frente da NASA um cético das alterações climáticas, adiantou a Efe.

  • Trocar a economia pela dança
    7:21
    Mudar de Vida

    Mudar de Vida

    5ª FEIRA NO JORNAL DA NOITE

    No "Mudar de Vida" desta quinta-feira damos a conhecer mais um caso de quem teve coragem de arriscar e procurar um novo futuro. Susana Moraes é uma economista que decidiu seguir a paixão pela dança. 

  • Mágico comove audiência do Britain's Got Talent com a história de cancro da mulher e da filha
    5:16
  • "Por vezes até as princesas da Disney ficam apavoradas"

    Mundo

    A atriz norte-americana Patti Murin foi esta semana elogiada nas redes sociais por se preocupar com a sua saúde mental e não ter problemas em falar sobre o assunto. A artista faltou a um espetáculo da Disney, onde ia atuar, devido a um ataque de ansiedade.

    SIC