sicnot

Perfil

Crise no Brasil

Crise no Brasil

Crise no Brasil

PGR pede que investigação contra Lula passe para juiz da Lava Jato

O procurador-geral da República do Brasil pediu na sexta-feira ao Supremo Tribunal Federal (STF) para enviar ao juiz Sérgio Moro uma investigação relativa à suposta participação do ex-Presidente Lula da Silva em esquemas de corrupção.

© Nacho Doce / Reuters

Sérgio Moro, da Justiça Federal do Paraná, conduz a operação Lava Jato, que apura desvios milionários de dinheiro da petrolífera estatal brasileira Petrobras.

O juiz, considerado muito severo, desperta temor entre os políticos brasileiros, por já ter condenado dezenas de pessoas, incluindo empresários poderosos, envolvidos nos casos de corrupção da petrolífera.

A acusação contra Lula da Silva que pode ser transferida do STF para o juiz do Paraná baseia-se em declarações do ex-senador Delcídio do Amaral, que disse, num depoimento, que o ex-Presidente tentou evitar que um delator colaborasse com a Operação Lava Jato.

O procurador-geral, Rodrigo Janot, também pediu que investigações contra o próprio Delcídio Amaral sejam remetidas para Moro, já que o ex-senador perdeu o foro privilegiado (prerrogativa constitucional do Brasil que diz que os parlamentares só podem ser julgados e investigados pelo STF).

Esta é a primeira vez que a Procuradoria-Geral da República (PGR) solicita que um inquérito contra o ex-Presidente passe para as mãos de Sérgio Moro.

As outras investigações da Lava Jato contra Lula da Silva, que envolvem a suposta posse de uma quinta na cidade de Atibaia e de um apartamento de luxo no Guarujá, propriedades que o Ministério Público diz que são do ex-Presidente, mas que estão em nome de outras pessoas, continuam a ser analisadas no STF.

Em comunicado divulgado em sua página na internet, o Instituto Lula alegou que "o ex-Presidente já esclareceu ao Ministério Público, em depoimento no dia 7 de abril, que são falsas as afirmações do réu confesso Delcídio Amaral".

"E já respondeu a essa falsa denúncia, perante o Supremo Tribunal Federal, no dia 27 de maio", acrescenta.

A nota aponta, ainda, "a repetição dessa notícia, velha, requentada, no momento em que o Governo golpista de Michel Temer [Presidente interino] é repudiado pela população brasileira".

Lusa

  • Celebridades protestam contra Donald Trump
    3:00

    Mundo

    Tem sido assim desde a campanha e continua. Grande parte da comunidade de artistas não está nada contente com o Presidente eleito. Vários artistas aproveitaram o dia da tomada de posse para se reunirem em Nova Iorque e protestarem contra Donald Trump.

  • Artista que criou poster de Obama quer invadir EUA com símbolos de esperança

    Mundo

    Shepard Fairey - o artista por trás do tão conhecido cartaz vermelho e azul "Hope" de Barack Obama, durante a campanha eleitoral de 2008 nos EUA - produziu uma série de novas imagens a tempo da tomada de posse de Donald Trump, na sexta-feira. Agora, o artista e a sua equipa querem manifestar uma posição política com a campanha "We The People", contra as ideias que o Presidente eleito tem defendido.

  • Encontrados dez sobreviventes no hotel engolido por um avalanche em Itália
    1:44
  • Videoclipe mostra mulheres a fazer tudo o que é proibido na Arábia Saudita
    1:55

    Mundo

    Um grupo de mulheres canta, dança e faz outras coisas proibidas na Arábia Saudita como forma de protesto. O vídeo é uma crítica social à forma como as mulheres islâmicas são tratadas pelos maridos. Na letra constam frases como "Faz com que os homens desapareçam da terra" e "Eles provocam-nos doenças psicológicas". A ideia partiu de um homem, Majed al-Esa e já conta com 5 milhões de visualizações.

    Patrícia Almeida