sicnot

Perfil

Crise no Brasil

Crise no Brasil

Crise no Brasil

Lula vai apresentar na ONU "novos factos" sobre "perseguição judicial"

A defesa de Luiz Inácio Lula da Silva vai apresentar no Conselho de Direitos Humanos da ONU, com sede em Genebra, "novos factos" que demonstram a alegada "perseguição judicial" ao ex-presidente brasileiro, investigado por corrupção.

Os advogados do ex-governante consideram que Lula e a sua família sofreram represálias desde que foram denunciados em finais de junho na ONU os "abusos" cometidos no âmbito das investigações sobre o escândalo de corrupção na petrolífera estatal Petrobras, noticiou a agência Efe.

A defesa mencionou como exemplo dessa "represália", a decisão da polícia de chamar para depor a mulher do antigo presidente, Marisa Letícia Lula, e o filho Fábio Luís "sem qualquer justificação razoável".

Os investigadores do caso Petrobras alargaram também a "campanha de propaganda opressiva" contra Lula através dos seus "porta-vozes" na comunicação social, alegam os advogados.

Nesse sentido, foi apontada uma notícia da revista Época que relata que os investigadores do caso Petrobras estão "irritados" com o que consideram "tentativas de intimidação".

"A reação autoritária dos operadores da operação Lava Jato", como é conhecido o caso Petrobras, "confirma que Lula é vítima de uma verdadeira caça judicial, que se serve da cumplicidade dos meios de comunicação para esconder os abusos e promover um juízo", considera em comunicado a defesa do ex-presidente.

As autoridades investigam se, quando estava no poder, Lula recebeu "favores" por parte de construtoras envolvidas no gigantesco escândalo de corrupção, o que tem sido sempre negado pelo ex-presidente.

Paralelamente, Lula responde em tribunal à acusação de "obstrução à justiça" por alegada tentativa de suborno de um dos envolvidos no caso.

Lusa

  • Não há risco de colapso do viaduto de Alcântara
    1:35

    País

    O desvio de um pilar do viaduto de Alcântara obrigou esta quarta-feira ao corte do trânsito e da circulação de comboios da linha de Cascais. O estrago terá sido provocado por um camião que embateu na estrutura. A circulação ferroviária foi retomada a meio da manhã, mas o viaduto só será reaberto esta quinta-feira.

  • Suspeito de homicídio à porta do Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em preventiva
    1:36

    País

    O suspeito de ser o autor dos disparos que mataram um jovem junto à discoteca Luanda foi ouvido em tribunal e ficou em prisão preventiva. Segundo a investigação, tudo terá começado com um mero desacato, ainda dentro da discoteca, onde a vítima e o detido foram filmados a discutir. O homem de 23 anos está indiciado por dois crimes de homicídio, um na forma tentada.

  • Romeu e Julieta nasceram no mesmo dia e no mesmo hospital

    Mundo

    Na Carolina do Sul, nos EUA, dois bebés tinham o parto marcado para 26 de março mas decidiram nascer mais cedo: exatamente no mesmo dia, apenas com uma diferença de 18 horas. Os pais não se conheciam e, curiosamente, deram o nome aos recém nascidos de Romeo e Juliet (em português, Romeu e Julieta).

  • Gelo nos polos recua para recordes mínimos

    Mundo

    A extensão de gelo polar dos oceanos Ártico e Antártico atingiu recordes mínimos a 13 de fevereiro, perdendo o equivalente a uma área maior do que o México, informou esta quarta-feira a agência espacial norte-americana NASA.

  • Túmulo de Jesus Cristo restaurado

    Mundo

    Após 10 meses de obras de restauro, o túmulo onde Jesus Cristo terá sido sepultado foi esta quarta-feira revelado numa cerimónia na igreja do Santo Sepulcro, em Jerusalém.