sicnot

Perfil

Crise no Brasil

Crise no Brasil

Operação Lava Jato

Quatro detidos em protestos contra destituição de Dilma em São Paulo

© Bruno Kelly / Reuters

Quatro pessoas foram detidas esta terça-feira, durante manifestações contra o processo de 'impeachment' (destituição) da Presidente brasileira com mandato suspenso, Dilma Rousseff, em São Paulo, a maior cidade do Brasil.

"A Polícia de São Paulo acabou de prender três militantes do MTST [Movimento dos Trabalhadores Sem Teto] que participaram das manifestações de hoje, além de uma quarta pessoa que apenas passava pelo local", informou o movimento nas redes sociais, falando nos "primeiros presos do golpe".

Segundo a mesma nota, os quatro são acusados de suposto "dano ao património" e "os delegados (agentes da polícia) dizem ter orientação de mantê-los presos, ainda que de forma totalmente arbitrária".

De acordo com a Agência Brasil, os três militantes do MTST foram encaminhados ao Distrito Policial de Santo Amaro, onde foram autuados por dano, desobediência e resistência.

A detenção levou um grupo do MTST a protestar em frente às instalações.

Posteriormente serão ouvidos por um juiz que decidirá se mantém as prisões.

Os três foram detidos após participarem num protesto marcado pelo fogo ateado a pneus para interromper o trânsito.

"Tínhamos feito um acordo com a Polícia Militar de que a via seria liberada em 20 minutos. Antes de 20 minutos, liberámos a via", disse o coordenador do movimento, Michel Navarro, citado pela Agência Brasil.

O protesto fez parte de um conjunto de mobilizações em São Paulo, em Porto Alegre e Fortaleza contra o 'impeachment' de Dilma Rousseff, o governo interino de Michel Temer e as ameaças de retrocessos em políticas sociais.

"Eles podem esperar do povo organizado muita resistência, muita luta. Não vamos deixar esse governo ilegítimo governar em paz", garantiu Michel Navarro.

Os protestos ocorrem um dia antes da votação final do 'impeachment' de Dilma Rousseff, acusada de irregularidades orçamentais, no Senado.

Num processo polémico, que dividiu a população, os defensores da Presidente com mandato suspenso têm acusado Michel Temer e os seus aliados de "golpistas", falando num golpe para chegar ao poder.

Lusa

  • "Ficou claro que a decisão já está tomada"
    3:06

    Operação Lava Jato

    A correspondente da SIC no Brasil disse que a participação de Dilma Rousseff, na segunda-feira, não foi suficiente para impedir a "impugnação do seu mandato". Segundo Ivani Flora, os senadores brasileiros, que são juízes neste caso, questionaram Dilma como se fossem advogados de defesa e acusação e que deram a entender que ainda não chegaram a um consenso: se Dilma cometeu o crime de responsabilidade fiscal ou não. A correspondente disse ainda que durante o dia de ontem "ficou claro que a decisão já está tomada".

  • Pinto da Costa internado após queda

    Desporto

    O presidente do FC Porto, Pinto da Costa, sofreu uma queda e foi internado de urgência no Hospital de São João. O acidente já foi confirmado pelo clube em comunicado.

  • Bigode de Salvador Dalí está intacto, às "10 para as 10"

    Cultura

    O corpo do pintor surrealista catalão foi ontem exumado no Teatro-Museo de Figueres, por ordem de um tribunal de Madrid, para um exame de determinação de paternidade de Pilar Abel, que alega ser filha do artista. O pintor que morreu há 28 anos foi embalsamado e mumificado pelo que o corpo continua preservado e o famoso bigode levantado.

  • Mulher do primeiro-ministro japonês "é uma mulher fantástica mas não fala inglês"
    0:35

    Mundo

    O Presidente dos Estados Unidos falou pela primeira vez sobre o segundo encontro que manteve com Vladimir Putin, durante a Cimeira do G20, em Hamburgo. Donald Trump explica que a conversa com o Presidente russo resultou de uma troca de lugares durante um jantar. Trump ficou ao lado da mulher do primeiro-ministro japonês, que não saberia falar inglês, e Melania estava sentada ao pé do Presidente da Rússia, Vladimir Putin.

  • "Octávio Machado foi a terceira escolha" para o cargo
    2:01
  • O que resta do navio de salvamento mais famoso de Portugal?
    15:26
  • "Temos de melhorar o sistema de prevenção e combate dos incêndios"
    18:07

    País

    O ministro da Agricultura, Luís Capoulas Santos, foi convidado da Edição da Noite da SIC Notícias, desta quinta-feira. Em análise esteve o chumbo do PCP na criação de um banco nacional de terras, a reforma da floresta em Portugal, as falhas no sistema de comunicação do SIRESP, a lei da rolha nos bombeiros, a seca no país e ainda a pesca da sardinha, que poderá vir a ser proibida durante 15 anos. 

    Entrevista SIC Notícias

  • "Sempre me senti em casa em Portugal"
    1:11