sicnot

Perfil

Crise no Brasil

Crise no Brasil

Operação Lava Jato

Lula tenta organizar bloco para reunir partidos de esquerda

O ex-Presidente Luiz Inácio Lula da Silva está a tentar organizar a formação de um bloco de resistência ao Governo de Michel Temer com partidos de esquerda, informou a Folha de S.Paulo.

O jornal diário brasileiro destaca que na quarta-feira, enquanto Dilma Rousseff estava a ser julgada no Senado (câmara alta parlamentar), Lula da Silva teria sugerido a Carlos Lupi, presidente nacional do Partido Democrático Trabalhista (PDT), a composição de um bloco de oposição no Congresso.

A ideia seria criar uma organização inspirada no modelo do Uruguai que também atuaria nas eleições presidenciais de 2018.

Na prática este bloco de esquerda funcionaria como uma grande coligação com partidos, sindicatos, associações, movimentos de esquerda, intelectuais e artistas em torno de um programa.

Carlos Lupi disse à Folha que Lula a Silva não descarta o lançamento de um candidato fora da sua formação, o Partido dos Trabalhadores (PT), nas presidenciais de 2018.

O ex-Presidente brasileiro teria conversado até com altos membros do Partido Comunista do Brasil (PCdoB) em defesa da proposta e sugerido aos aliados uma reunião em setembro.

O PT, de Lula da Silva, sofreu a sua maior derrota com a deposição de Dilma Rousseff, mas também tem perdido espaço graças ao envolvimento de dirigentes seus em escândalos de corrupção, principalmente nos esquemas criminosos articulados dentro da Petrobras.

O próprio ex-Presidente já responde a um inquérito da operação Lava Jato, que investiga os crimes na petrolífera estatal Petrobras e pode não estar habilitado para voltar a concorrer em 2018.

O jornal brasileiro concluiu frisando que a discussão para a formação deste boco não está concluída, mas movimentos de esquerda pretendem fazer oposição cerrada a Michel Temer, empossado Presidente da República no lugar de Dilma Rousseff na quarta-feira.

Lusa

  • Será que lavar em lavandarias self-service compensa?
    8:21
  • "Não se pode voltar atrás, o povo de Deus confirmou a necessidade deste Papa"
    3:15
  • Dois em cada três portugueses vivem vidas sedentárias

    País

    Com menos de hora e meia de exercício semanal, mais de dois terços dos portugueses vivem vidas sedentárias. E a maioria desvaloriza a importância da atividade física, segundo um inquérito divulgado esta quinta-feira pela Fundação Portuguesa de Cardiologia.

  • Depois de dar a volta (de bicicleta de Lisboa a Setúbal)

    País

    Missão cumprida. A SIC foi dar uma volta de bicicleta, acompanhando a primeira etapa de uma iniciativa que pretende impulsionar o uso dos velocípedes no país. Ao longo desta quarta-feira, publicámos vários vídeos em direto na página de Facebook da SIC Notícias, que aqui reunimos, em jeito de balanço.

    Ricardo Rosa

  • Primeira dama chinesa defende avanços na igualdade

    Mundo

    A primeira dama chinesa, Peng Liyuan, defendeu os avanços da China em matéria de igualdade dos géneros. Uma rara entrevista, difundida numa altura em que feministas chinesas asseguram serem controladas pela polícia face às suas campanhas.