sicnot

Perfil

Crise no Brasil

Crise no Brasil

Operação Lava Jato

Dilma vai deixar Brasília e viver em Porto Alegre

A Presidente deposta do Brasil Dilma Rousseff afirmou esta sexta-feira que vai deixar Brasília nos próximos dias e voltar a viver em Porto Alegre, sul do país, onde construiu a sua carreira política e tem a sua casa.

"Não vou ficar em Brasília, vou para Porto Alegre", afirmou Dilma Rousseff, 68 anos, num encontro com a imprensa estrangeira.

Depois de seis anos no cargo, Dilma Rousseff foi deposta quarta-feira pelo Senado por alegada falsificação das contas públicas.

"A democracia foi julgada ao mesmo tempo que eu. Infelizmente perdemos. Espero que a possamos reconstruir e que isto não volte a acontecer", afirmou Dilma Rousseff, que continua a afirmar a sua inocência e denunciou um "golpe de Estado" parlamentar feito pela oposição da direita.

Dilma Rousseff foi destituída do cargo, mas manteve os seus direitos políticos o que permite que se candidate ao cargo de deputada ou senadora.

Depois da sua destituição, Dilma Rousseff tem 30 dias para deixar o Palácio da Alvorada.

Lusa

  • Dilma já formalizou recurso para reverter a destituição

    Operação Lava Jato

    Dilma Roussef já formalizou o recurso para reverter a destituição do cargo de Presidente. Os advogados de defesa apresentaram esta quinta-feira o recurso no Supremo Tribunal Federal. Dilma solicita assim um novo julgamento e que seja anulada a sentença de impeachment ditada pela votação de mais de dois terços dos senadores esta quarta-feira.

  • O papel da religião no quotidiano
    24:57
  • Jane Goodall iniciou palestra com sons semelhantes aos dos chimpanzés
    2:18

    País

    A investigadora Jane Goodall esteve esta quinta-feira em Lisboa para participar numa conferência da National Geographic. A primatóloga começou o seu discurso com sons semelhantes aos dos chimpanzés. Numa entrevista à SIC, Goodall falou sobre os chimpanzés e sobre o trabalho que continua a desenvolver em todo o mundo, em prol do ambiente, dos animais e das pessoas. 

  • NATO vai aumentar luta contra o terrorismo

    Mundo

    O secretário-geral da NATO, Jens Stoltenberg, disse que os aliados da NATO concordaram esta quinta-feira em aumentar a luta contra o terrorismo e em "investir mais e melhor" na Aliança.

  • Trump empurra líder do Montenegro para ficar à frente na fotografia

    Mundo

    A reunião de líderes dos Estados-membros da NATO, que decorreu esta quinta-feira em Bruxelas, na Bélgica, ficou marcada por um momento insólito em que o Presidente norte-americano não quis abdicar de ficar no melhor plano possível nas fotografias de grupo. Nem que para isso tenha sido necessário empurar o líder de outro país.

  • O humor de John Kerry nas críticas a Trump
    0:40

    Mundo

    John Kerry criticou as ligações de Donald Trump com a Rússia durante um discurso de abertura, na Universidade de Harvard. O ex-secretário de Estado norte-americano disse, em tom de brincadeira, que se os jovens querem vingar na política, devem primeiro aprender a falar russo.