sicnot

Perfil

Crise no Brasil

Crise no Brasil

Operação Lava Jato

Juiz do Supremo brasileiro nega anular aprovação da destituição de Dilma

O magistrado Teori Zavascki, do Supremo Tribunal Federal (STF), negou esta quinta-feira um recurso da defesa de Dilma Rousseff para anular a sessão da votação do Senado (câmara alta do Congresso) que determinou a destituição da ex-Presidente do Brasil.

A decisão surgiu em resposta a uma providência cautelar, com pedido de uma decisão provisória, apresentado pelo advogado da ex-chefe de Estado, José Eduardo Cardozo, a 1 de setembro, um dia depois de os senadores terem decidido afastar a primeira mulher Presidente do Brasil do cargo.

O advogado alertou para a inconstitucionalidade de dois artigos da Lei de Impeachment (destituição) e a inclusão no parecer favorável ao afastamento de acusações que não constavam no relatório votado anteriormente na Câmara dos Deputados, considerando que isso teria prejudicado a defesa.

Na sua decisão, Teori Zavascki escreveu que, "mesmo que se pudesse atribuir relevância ao argumento de inconstitucionalidade" dos artigos, "isso não seria suficiente para determinar a concessão da cautelar", uma vez que a condenação "está amparada na configuração de outros delitos".

O juiz considerou que o acrescento no parecer não prejudicou a defesa, tendo sido feito apenas para demonstrar que os atosactos pelos quais Dilma Rousseff foi condenada, ocorridos em 2015, representaram o "clímax negativo" de práticas questionáveis desde 2008.

Dilma Rousseff foi condenada por ter assinado três decretos de créditos suplementares em 2015 sem autorização do Congresso e por ter usado dinheiro de bancos públicos em programas do Tesouro, realizando manobras contabilísticas.

O juiz escreveu ainda que a defesa "teve iterativas oportunidades para contradizer as teses da acusação".

Após um longo e polémico processo de cerca de nove meses, Dilma Rousseff foi afastada do cargo a 31 de agosto e, como consequência, Michel Temer, o seu ex-vice-Presidente, assumiu a liderança do Brasil.

Nesse dia, em resposta à Lusa sobre se tenciona recorrer a instâncias internacionais num processo que a defesa tem apelidado de "golpe", José Eduardo Cardozo respondeu que primeiro ia aos tribunais brasileiros, nos quais disse confiar.

Lusa

  • UGT reivindica que salário mínimo ultrapasse os 600€
    0:26

    Economia

    O secretário-geral da UGT reivindica que até 2019 o salário mínimo nacional ultrapasse os 600 euros. Este sábado, num congresso distrital na Guarda, Carlos Silva considerou que o Governo tem condições para ir mais além e voltou a defender que para o próximo ano o patamar mínimo para a negociação deve ser os 585 euros.

  • Militares tentam acabar com guerra entre traficantes na Rocinha, Rio de Janeiro
    3:07

    Mundo

    As últimas horas têm sido de tensão no Rio de Janeiro depois dos tiroteios que começaram desde que uma das principais favelas da cidade foi ocupada por militares na sexta-feira. As forças federais foram acionadas para auxiliarem a polícia, que há vários dias tenta acabar com a guerra entre fações de traficantes de droga.

  • Trump renovou as ameaças à Coreia do Norte
    1:30
  • Franceses em protesto contra reformas de Macron
    1:04
  • Atrás das Câmaras em Pedrógão Grande
    3:37
    Atrás das Câmaras

    Atrás das Câmaras

    DIARIAMENTE NA SIC E SIC NOTÍCIAS

    A carrinha do "Atrás das Câmaras" continua pelo país a mostrar aquilo que alguns políticos ignoram. Este sábado a equipa da SIC esteve em Pedrógão Grande, 99 dias após o incêndio que fez 64 mortos e 200 feridos.

  • Morreu Charles Bradley, uma das lendas do soul

    Cultura

    O cantor Charles Bradley morreu este sábado aos 68 anos. O músico norte-americano foi diagnosticado com cancro no ano passado. A notícia da morte foi confirmada na página oficial do cantor no Facebook.

  • Tony Carreira em Paris com sala cheia
    2:36

    Cultura

    O cantor Tony Carreira actuou ontem em Paris e teve sala cheia a aplaudir os temas que o tornaram conhecido há quase 30 anos. As recentes acusações de plágio não parecem afectar a popularidade do artista, que vai continuar em tournée. A Sic acompanhou o artista neste concerto.