sicnot

Perfil

Crise no Brasil

Crise no Brasil

Operação Lava Jato

Temer nomeia primeira ministra mulher do seu Governo

O Presidente do Brasil, Michel Temer, nomeou esta sexta-feira Grace Maria Fernandes Mendonça para o cargo de chefe da Advocacia-Geral da União (AGU), tornando-a a primeira mulher no seu Governo.

Grace Mendonça assumirá o posto no lugar de Fábio Medina Osório, demitido hoje depois de uma série de atritos com outros membros do executivo, que culminaram no seu afastamento.

Em nota divulgada no portal do Planalto, o Governo informou que "o Presidente Michel Temer convidou hoje para ocupar o honroso cargo de Advogado-Geral da União a doutora Grace Maria Fernandes Mendonça, distinta profissional e servidora de carreira daquele órgão" e agradeceu "os relevantes serviços prestados pelo competente advogado doutor Fábio Medina Osório", que deixa o cargo.

A nomeação também é encarada como uma resposta às críticas feitas a Temer, que ao assumir o comando do Brasil nomeou apenas homens para os altos cargos do executivo.

Grace Mendonça é funcionária de carreira da AGU. Formada em Direito pelo Centro Universitário do Distrito Federal, tem uma especialização em Direito Processual Civil, sendo também professora titular de Direito Constitucional, Processual Civil e Direito Administrativo na Universidade Católica de Brasília (UCB).

Lusa

  • A casa dos horrores
    7:57

    Mundo

    Um casal foi detido na Califórnia acusado de tortura e escravidão dos 13 filhos: o mais velho tinha 29 anos e a mais nova dois. A polícia encontrou um cenário de horror quando entrou na casa da família, depois de uma das filhas ter fugido pela janela. Crianças e jovens estavam amarrados às camas e todos estavam mal alimentados. Mas nas redes sociais, o casal Turpin divulgava imagens de uma família feliz.

  • PGR e presidente do Supremo deixam recado à ministra da Justiça
    2:45
  • Rui Rio tem sentido "alguma turbulência" no PSD
    2:01

    País

    Rui Rio e Pedro Passos Coelho tiveram esta quinta-feira a primeira reunião, desde que foi eleito o novo líder do PSD. À saída, Passos Coelho desejou que esta transição decorra com naturalidade. Já Rui Rio disse que tem sentido alguma turbulência no partido.

  • Sindicatos rejeitam fim das baixas médicas até três dias
    2:02

    País

    A CGTP quer levar o tema das baixas médicas à Concertação Social, já a UGT diz que há outras matérias prioritárias. Ainda assim as duas centrais sindicais lembram que a não justificação de faltas pode dar origem a um despedimento por justa causa. Esta quinta-feira o bastonário da Ordem dos Médicos propôs ao Governo que acabe com as baixas de curta duração, até três dias.

  • Papa interrompe percurso no Chile para ajudar polícia
    0:21
  • "Mundo à Vista" no Gana
    7:38