sicnot

Perfil

Crise no Brasil

Crise no Brasil

Operação Lava Jato

Michel Temer diz que não sabia da corrupção no PT porque era vice "decorativo"

O Presidente brasileiro, Michel Temer, afirmou esta quarta-feira em Nova Iorque que não tinha qualquer conhecimento da "corrupção no PT (Partido dos Trabalhadores), porque não tinha participação no Governo, sendo apenas um "vice-presidente decorativo".

"Não sabia. Vocês sabem que eu não tive participação no Governo. Um dia eu mesmo me rotulei de vice-presidente decorativo porque eu não tinha participação. Não acompanhava nada disso", disse Temer a jornalistas.

O Presidente, que assumiu plenas funções a 31 de agosto, na sequência do polémico processo de destituição de Dilma Rousseff por irregularidades orçamentais, referia-se a uma carta que enviou à ex-Presidente no final do ano passado, onde se lamentava ser um mero "vice decorativo".

O Partido dos Trabalhadores (PT) - de Dilma Rousseff e do ex-Presidente Lula da Silva, que foi constituído arguido na terça-feira, pela segunda vez, no âmbito da Operação Lava Jato - encontra-se numa situação sensível depois de várias detenções de quadros envolvidos no maior caso de corrupção da história do Brasil, centrado na petrolífera estatal Petrobras.

Na lista de investigados no âmbito da Lava Jato, constam políticos de vários partidos, incluindo do Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB), de Michel Temer.

Aos jornalistas, Michel Temer respondeu ainda que não deu conta do protesto das delegações de seis países, que saíram da assembleia-geral da Organização das Nações Unidas (ONU) durante o seu discurso, na terça-feira.

Representantes de Venezuela, Equador e Nicarágua e a maioria dos membros da delegação da Costa Rica deixaram o plenário, enquanto os diplomatas da Bolívia e de Cuba já se tinham retirado do local antes do discurso e só regressaram depois de Michel Temer ter acabado de falar.

O processo de destituição de Dilma Rousseff dividiu a sociedade e gerou dúvidas interna e externamente, sendo que vários governos da região manifestaram publicamente o seu desagrado com o afastamento da ex-Presidente.

Lusa

  • Coreia do Norte lança novo míssil balístico

    Mundo

    O Pentágono detetou esta sexta-feira mais um lançamento de um míssil balístico por parte da Coreia do Norte. O primeiro-ministro japonês já confirmou o lançamento, que terá atingido a zona económica exclusiva, no Mar do Japão.

  • Menino perdido na Praia da Luz foi levado à GNR por turista
    1:11

    País

    Um menino inglês, de sete anos, esteve desaparecido na quinta-feira na Praia da Luz, no Algarve, depois de se ter perdido dos pais. A GNR colocou duas equipas de investigação no local, mas ao fim de uma hora e meia o rapaz apareceu na esquadra de Lagos acompanhado por um turista a quem terá pedido ajuda.

  • Mais viagens mas menos turistas de Portugal
    1:22

    País

    Os residentes em Portugal - sejam portugueses ou estrangeiros - realizaram quatro milhões de viagens turísticas, só no primeiro trimestre do ano. Um aumento de mais de 6% nas viagens dentro do país face ao período homólogo e de mais de 15% nas viagens para fora, de avião. O estudo é do INE, o Instituto Nacional de Estatística, que permite fazer o retrato mais claro de quem viaja e porquê.

  • Algarve sozinho gera metade dos bens transacionáveis em Portugal
    4:14

    SIC 25 Anos

    O Algarve quase não tem indústria e os especialistas consideram que é excessivamente dependente do turismo. Ainda assim, sozinho contribui com metade do que Portugal gera em bens transacionáveis. A região tem problemas graves, como a falta de médicos e um custo de vida muito alto, mas continua a atrair a maior parte dos turistas e muitos estrangeiros decidem mesmo escolher a região para viver.