sicnot

Perfil

Crise no Brasil

Crise no Brasil

Operação Lava Jato

Milhares de manifestantes protestam contra Temer

© Nacho Doce / Reuters

Milhares de manifestantes ligados a sindicatos protestaram esta quinta-feira, em pelo menos 19 estados do Brasil, contra o Presidente brasileiro, Michel Temer, a quem acusam de querer atentar contra os direitos adquiridos pelos trabalhadores.

Segundo o portal de notícias G1, ocorreram protestos em cidades dos estados de Alagoas, Amapá, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Minas Gerais, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rondônia, Roraima, Rio Grande do Sul, Rio Grande do Norte, Santa Catarina, São Paulo e Sergipe.

De acordo com o mesmo portal, até ao final da tarde, os organizadores contabilizaram 160 mil manifestantes em todo o país, enquanto a polícia dava conta de apenas mil, embora em muitos locais não tenha existido uma contagem.

O Dia Nacional de Paralisação e Mobilização das Categorias foi convocado pela Central Única dos Trabalhadores (CUT), contando com o apoio de outras centrais sindicais e dos movimentos Frente Brasil Popular e Povo sem Medo.

A maior afluência de manifestantes foi registada em Salvador, na Bahia, com cerca de 120 mil participantes, de acordo com a organização citada pelo G1, e onde esteve também a ex-Presidente da República Dilma Rousseff.

Os manifestantes protestaram contra as reformas laboral e da segurança social - cujas alterações foram entretanto remetidas para 2017 - e privatizações de empresas públicas.

O protesto envolveu também interrupções de aulas em escolas e universidades em alguns locais, bem como a paralisação temporária de transportes públicos, além de problemas no trânsito.

Lusa

  • A morte das sondagens foi ligeiramente exagerada

    Opinião

    Um atentado sem efeitos eleitorais, sondagens que acertaram em praticamente tudo, inexistência do chamado eleitorado envergonhado. E um candidato que se situa no centro político com fortíssimas hipóteses de vencer a segunda volta. As presidenciais francesas tiveram uma chuva de acontecimentos anormais, mas acabam por ser um choque de normalidade. Pelo menos até agora...

    Ricardo Costa

  • Fuga de Vale de Judeus em junho de 1975 no Perdidos e Achados
    0:36

    Perdidos e Achados

    Prisão Vale de Judeus, final de tarde de domingo, dia 29 de junho de 1975. O plano da fuga terá sido desenhado por uma vintena de homens. Serrada a presiana metálica era preciso passar, para fora do edifício, as cabeceiras dos beliches onde os presos dormiam. Ao longo de cerca de uma hora 89 detidos, agentes da PIDE/DGS, a Polícia Internacional e de Defesa do Estado português extinta depois da revolução de 1974, fogem do estabelecimento prisional.

    Hoje no Jornal da Noite

  • Pj ainda não fez detenções relacionadas com atropelamento de adepto italiano
    1:52

    Desporto

    As autoridades policiais confirmaram à SIC que o atropelamento que fez este sábado uma vítima mortal, junto ao Estádio da Luz, não terá sido acidental. A Policia Judiciária já saberá quem foi o autor do atropelamento. O homem faria parte do grupo de adeptos do Benfica, que se envolveram em confrontos com adeptos do Sporting.