sicnot

Perfil

Crise no Brasil

Crise no Brasil

Operação Lava Jato

"Homem forte" de Lula absolvido no caso Mensalão mas continua detido

© Rodolfo Buhrer / Reuters

O Supremo Tribunal Federal (STF) absolveu esta segunda-feira José Dirceu, o "homem forte" no primeiro Governo do Presidente Lula da Silva, condenado no processo "Mensalão", o caso de compra de apoio de parlamentares.

A decisão do magistrado Luís Roberto Barroso foi tomada após um parecer favorável do Procurador-Geral da República, Rodrigo Janot, ao pedido de indulto apresentado pela defesa do ex-governante. Porém, José Dirceu permanecerá preso, visto que, no ano passado, foi detido preventivamente por acusações de crimes na Operação Lava Jato, relativa a um mega-esquema de corrupção envolvendo a petrolífera estatal Petrobras e outras empresas.

O ex-ministro da Casa Civil já cumpriu um ano de cadeia e outro de prisão domiciliária dos sete anos e onze meses de pena pelo crime de corrupção ativa a que foi condenado no caso "Mensalão".

Em maio passado, José Dirceu foi condenado a 23 anos e três meses de prisão pelo juiz da 13.ª Vara Federal de Curitiba, Sérgio Moro, responsável pelas ações da Operação Lava Jato na primeira instância.

Sem o indulto, o total das duas penas seria de 31 anos e dois meses de cadeia.

Segundo um decreto presidencial, o condenado pode ser indultado se preencher vários requisitos, como bom comportamento e ter cumprido parte da pena.

Em fevereiro passado, Luís Roberto Barroso tinha negado o mesmo pedido "diante da possibilidade de que o condenado, acusado no âmbito da Operação Lava Jato, pudesse ter cometido infração durante o cumprimento da pena a que foi condenado pelo STF", lê-se numa nota do Supremo.

"Posteriormente, em comunicação sobre a sentença condenatória de José Dirceu pelos crimes de corrupção passiva, lavagem de dinheiro e de organização criminosa, o juiz da 13.ª Vara Federal de Curitiba informou que o objeto dessa ação penal são crimes cometidos até 13 de novembro de 2013, antes do início do cumprimento da pena" do "Mensalão", adiantou o STF.

Lusa

  • Marco Silva vai treinar o Watford

    Desporto

    O treinador português Marco Silva assinou contrato com o Watford, da Liga Inglesa. O emblema que terminou a última Premier League na 17ª posição, a última antes dos lugares de descida, ganhou assim a corrida ao Crystal Palace e ao FC Porto, que também tentaram contratar o técnico.

  • "A maior conquista foi construir estabilidade"
    2:14

    Economia

    António Costa voltou esta sexta-feira a garantir que a partir de junho nenhum subsídio de desemprego será inferior a 421 euros por mês. O primeiro-ministro falava nas jornadas parlamentares do PS, onde afirmou que a estabilidade é a maior conquista deste Governo.

  • Com a multiplicação de bons indicadores económicos e financeiros do país, multiplicam-se os elogios ao Governo e declaram-se mortas e enterradas as políticas do passado recente, nomeadamente a da austeridade. Nada mais errado. O que os bons resultados agora alcançados provam definitivamente é que a austeridade resolveu de facto os problemas das contas públicas e, mais do que isso, contribuiu para o crescimento económico que foi garantido por reformas estruturais e pela reorientação do modelo económico.

    José Gomes Ferreira

  • Raízes de ciência e rebentos de esperança
    14:14
  • Portugal pode ser atingido por longos períodos de seca

    País

    Portugal e Espanha podem ser atingidos até 2100 por 'megasecas', períodos de seca de dez ou mais anos, segundo os piores cenários traçados num estudo da universidade britânica Newcastle, que tem a participação de uma investigadora portuguesa.

  • G7 reforça compromisso na luta contra o terrorismo
    2:11
  • Uma foto para a história

    Mundo

    As mulheres dos líderes mundiais que se reúnem nas cimeiras da NATO posam para a fotografia oficial das primeiras-damas. A deste ano é histórica. Pela primeira vez, há um marido de um primeiro-ministro entre as nove mulheres. Trata-se de Gauthier Destenay, casado com o líder do Luxemburgo.