sicnot

Perfil

Novo Governo

Novo Governo

Novo Governo

Propostas dos partidos sobre Função Pública

O fim dos cortes salariais é uma das principais propostas dos partidos com assento parlamentar, com BE e CDU a exigirem uma revogação imediata e PS e PSD/CDS-PP a defenderem que ocorra gradualmente, até 2017 e 2019, respetivamente.

© Yuriko Nakao / Reuters

+++ Eis algumas das principais propostas dos partidos com assento parlamentar sobre a Função Pública:

Bloco de Esquerda:

·Devolução dos salários cortados aos trabalhadores da função pública;

·Redução do horário de trabalho para as 35 horas semanais nos setores público e privado;

·Reposição dos dias feriados e revisão do regime do trabalho suplementar e do trabalho, dito normal, em dia feriado;

·Vinculação dos trabalhadores precários no Estado e nas empresas públicas e instituições financiadas pelo Estado, incluindo estagiários e contratos emprego inserção.

Coligação Democrática Unitária (CDU):

·O fim dos cortes salariais e a reposição integral dos salários, subsídios e pensões retirados na Administração Pública e setor público, bem como o descongelamento das progressões salariais e profissionais;

·Redução do horário de trabalho para 35 horas semanais;

·Revogar a legislação que integra o Código de Trabalho e a legislação laboral da Administração Pública com prioridade para as normas gravosas.

Partido Socialista (PS):

·Eliminar a redução salarial dos funcionários públicos em dois anos, através da supressão dos cortes salariais em 40% em 2016 e a parte remanescente em 2017;

·Retomar ao regime das 35 horas semanais de período normal de trabalho para os trabalhadores em funções públicas sem implicar aumento dos custos globais com pessoal;

·Iniciar em 2018 o processo de descongelamento das carreiras e de limitação das perdas reais de remuneração que deverão ser avaliadas tendo em conta o impacto transversal de algumas carreiras em vários programas orçamentais.

·Desbloquear a negociação coletiva no setor público, abrindo caminho à negociação com os parceiros sociais de matérias salariais e de questões como os horários de trabalho.

·Adotar recompensas boa gestão e a reposição de incentivos aos recursos humanos, no quadro das capacidades orçamentais dos serviços;

· Injetar "sangue novo" na Administração Pública através do lançamento de concursos nacionais para jovens quadros profissionais de nível superior que permita a sua vinculação à Administração Pública em geral, sem pertença a um serviço, departamento ou instituto específico;

· Gerir de forma integrada o número de trabalhadores no setor público, garantindo que a admissão de novos trabalhadores não significa um aumento do seu número total agregado.

Portugal À Frente (PSD/CDS-PP)

· Reverter gradualmente, em 20% ao ano, a redução remuneratória aplicável aos trabalhadores do setor público com salários superiores a 1.500 euros mensais, por forma a atingir a recuperação integral no ano de 2019;

· Possibilidade de acelerar o ritmo do fim dos cortes salariais, "mediante disponibilidade orçamental";

· Concluir o processo relativo à Tabela Única de Suplementos;

· Equiparar a Função Pública ao setor privado no que diz respeito ao prolongamento da vida laboral, ou seja, permitir que os trabalhadores do setor público, possam continuar a trabalhar depois dos 70 anos;

· Alargamento da ADSE a outros trabalhadores, como os que laboram em regime de Contrato Individual de Trabalho (CIT) para o Estado;

· Equacionado um programa de recrutamento seletivo para funções qualificadas no Estado de, pelo menos, 1.000 recém-licenciados por ano.

Lusa

  • Manuel Valls diz que Trump fez declaração de guerra à Europa

    Mundo

    O antigo primeiro-ministro francês Manuel Valls, aspirante a candidato socialista às presidenciais deste ano, considerou esta segunda-feira como uma "declaração de guerra" as afirmações do futuro Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, sobre a União Europeia.

  • Morreu o último homem que pisou a Lua

    Mundo

    O astronauta norte-americano Eugene Cernan, o último homem a pisar a Lua, morreu esta segunda-feira aos 82 anos, informou a agência espacial norte-americana, NASA.

  • Novo motim em prisão brasileira do Rio Grande do Norte

    Mundo

    Um motim ocorreu esta segunda-feira de madrugada numa prisão do estado brasileiro de Rio Grande do Norte, sem fazer feridos ou mortos, depois de uma rebelião numa outra prisão do mesmo estado ter feito 26 mortos no fim de semana.

  • Cheias e derrocadas destroem várias casas no Peru
    0:42

    Mundo

    Um deslizamento de terras seguido de uma inundação destruiu várias casas no Peru. As imagens mostram o momento em que o deslizamento acontece e o caos que se gerou. O trânsito ficou cortado e as inundações que se seguiram obrigaram várias pessoas a abandonar as suas habitações.