sicnot

Perfil

Novo Governo

Novo Governo

Novo Governo

Duarte Cordeiro novo diretor da campanha do PS após demissão de Ascenso Simões

António Costa nomeou o vice-presidente da Câmara de Lisboa, Duarte Cordeiro, como novo diretor da campanha socialista às legislativas de outubro após a demissão de Ascenso Simões.

Arquivo SIC

O socialista Ascenso Simões decidiu cessar as funções de diretor de campanha do PS, anunciou o próprio numa mensagem pública na sua conta do Facebook.

"Acabei de informar o secretário-geral do Partido Socialista da minha decisão de cessar as funções de diretor de campanha. Quem é responsável por uma máquina deve assumir todas as falhas que ela demonstra, deve tirar ilações de tudo o que, publicamente, se reconhece como erro", escreveu Ascenso Simões.

Nos últimos dias têm-se sucedido polémicas com os cartazes de campanha do PS.

Num dos casos, vários cartazes do PS para ilustrar o lado pessoal do desemprego foram contestados pelas pessoas que aparecem nos 'outdoors' e que afirmam não terem dado autorização para a sua cara ser usada naquela campanha, acrescentando que as histórias a que são associados não correspondem à verdade, segundo noticiou o Observador.

"Tenho um passado que não quero manchar, tenho pelo meu partido de mais de 35 anos um dever de lealdade. E tenho pelo meu país o respeito de sempre ter feito política assumindo todas as responsabilidades de a fazer com elevação e com decência", afirmou Ascenso Simões.

"Fico agora mais livre para ser um simples militante que tudo vai fazer para que o PS se consagre como uma verdadeira força de progresso e de modernização da economia portuguesa", acrescentou o dirigente, que será o cabeça de lista do PS, nas próximas eleições legislativas, pelo distrito de Vila Real.

Com Lusa

  • Parabéns! Portugal faz hoje 839 anos

    País

    É dia de cantar os parabéns. Portugal celebra esta quarta-feira 839 anos, depois de a 23 de maio de 1179 o Papa Alexandre III ter emitido a bula "Manifestis Probatum" onde reconhece o território como reino independente.

    SIC

  • Cachalote-pigmeu morreu pouco tempo depois de dar à costa em Lisboa
    1:13
  • Presidente da República apoia reforma "quanto antes" do Tribunal de Contas
    1:13

    País

    O Presidente da República defendeu esta manhã uma reforma do Tribunal de Contas para que se adeque a lei que prevê o controlo das entidades públicas. Para Marcelo Rebelo de Sousa, se a lei der melhores meios de controlo e for de mais rápida aplicação, vai dissuadir casos de má gestão de dinheiros públicos que acabam por resultar em crimes.

  • PSD compara SNS a um "cenário de guerra", Centeno desdramatiza
    2:44

    Economia

    O ministro das Finanças esteve esta amanhã no Parlamento e voltou a não comprometer-se com aumentos salariais na função pública no próximo ano. Deu mesmo a entender que a medida não é prioritária. A discussão passou também pelo Serviço Nacional de Saúde. Centeno desdramatizou as carências mas o PSD comparou o que s passa a um cenário de guerra.